Marca liderou segmento plug-in hybrid com 34,1% de participação

Além de comemorar recorde na comercialização de veículos eletrificados em países da Europa e da América do Norte, a Volvo também celebra excelentes resultados no Brasil. Mundialmente, a marca fechou o ano de 2019 com 45.933 unidades híbridas plug-in entregues, sendo 1.166 no mercado brasileiro. O resultado representa participação de 34,1% na categoria e traz como destaque o SUV XC60 Hybrid, que sozinho emplacou 823 exemplares. 

A expectativa para 2020 é ampliar os números e se consolidar na liderança em eletrificados. “Estamos projetando um crescimento de 20% para 2020. Nossa expectativa é que os veículos híbridos e elétricos representem um total de 40% das nossas vendas”, destaca Luis Rezende, presidente da marca na América Latina. Recentemente a fabricante lançou as variantes Polestar do sedã S60 e XC60 e, neste ano, trará o XC40 Hybrid ao Brasil.

Galeria: Comparativo: Volvo XC60 híbrido x diesel

Nas vendas gerais, os números também foram animadores. No total, foram 7.916 unidades comercializadas no país, o que representa crescimento de 15,8% na comparação com o ano passado. Só em dezembro, mês com maior venda da história da marca por aqui, foram 980 emplacamentos. Com isso, a Volvo atingiu 15,2% de participação do segmento e liderou em algumas das principais categorias, como a de SUVs. O XC60, por exemplo, conquistou 27,4% do mercado e o XC90, posicionado no topo da gama, abocanhou 20% da fatia.

No mundo todo, somando modelos a combustão e híbridos, a Volvo emplacou 705.452 unidades (alta de 9,8% na comparação com 2018).

Fonte: Volvo