O CEO da Tesla continua aquecendo a espera pelo Battery Day

Poucos dias após os últimos rumores sobre o possível uso de nanotecnologias inovadoras para as futuras baterias da Tesla. Hoje, Elon Musk encontrou uma maneira de voltar ao assunto com uma nova e muito interessante declaração sobre o tema.

De acordo com o número um da Tesla, de fato, a bateria com densidade de 400 Wh /kg poderia ver a luz em 3 ou 4 anos. E não se trata de uma bateria ainda em fase experimental, mas de um produto com desempenho constante ao longo do tempo e que pode ser produzido em grandes volumes.

Galeria: Tesla - fábrica Fremont

Uma meta possível

O comunicado veio - como de costume - via Twitter, em resposta a um comentário no qual ele lembrava que o próprio Musk, nos meses anteriores, disse que enquanto as baterias não atingissem uma densidade de energia de pelo menos 400 Wh/kg não haveria como trabalhar seriamente na criação de aeronaves de emissão zero.

Musk continua convencido do que foi dito no passado, com a diferença de que agora parece certo que os desenvolvimentos tecnológicos podem levar a baterias de 400 Wh/kg em poucos anos. 

Linhas celulares Panasonic na produção de Tesla modelo 3 do limite da Gigafactory

Uma redução de peso significativa

Considerando que as baterias Panasonic "2170" que equipam o Model 3 têm densidade de 260 Wh/kg, atingir os 400 Wh/kg declarados por Musk em 3 anos significaria a capacidade de elevar o rendimento em 50%

Vamos pensar um pouco a respeito, não é tão inatingível como uma meta. A própria Panasonic disse que nas células "2170" poderia obter desempenho 20% melhor em 5 anos, mas "simplesmente" fazendo alterações em uma bateria com tecnologia já bem estabelecida.

A redução de peso, para íons de lítio, seria aproximadamente a seguinte:

  • Bateria de 75 kWh: de 288 a 188 kg 
  • Da bateria 100 kWh: 384 a 250 kg
  • Bateria de 150 kWh: de 577 a 375 kg
  • Bateria de 200 kWh: 770 a 500 kg
tesla-bateria-célula

Aguardando o 22 de setembro

Mas quem conseguirá desenvolver esta bateria de 400 Wh/kg tão necessária? A Tesla sozinha com o projeto Roadrunner? A Tesla com a CATL dada a parceria na realização - entre outras coisas - de uma bateria de alto desempenho e baixos custos de produção? Ou a Tesla com a Amprius, uma empresa citada durante a recente "mensagem codificada" de Musk sobre nanotecnologia

Há pouco a fazer: quanto mais novas pistas chegam, mais questões sobre o futuro das baterias Tesla são colocadas. Na esperança de que o Battery Day em 22 de setembro traga algumas respostas para todas essas dúvidas.