Pode ser rotulado por alguns como o Classe S dos veículos elétricos, mas não se parece em nada com o sedã tradicional.

Ontem foi o dia do novo Mercedes Classe S 2021, então achamos que um novo lote de imagens de um flagra do elétrico Mercedes EQS complementaria muito bem a tão esperada estreia do carro-chefe da marca. Acontece que os dois carros não têm muito em comum em termos de design, já que um deles tem a forma tradicional de um sedã, enquanto o outro parece cada dia mais um conceito de vanguarda.

O novo flagra reconfirma que o EQS será tecnicamente um hatchback/liftback porque podemos ver claramente o contorno da porta traseira indo até o teto predominantemente de vidro. Isso deve torná-lo consideravelmente mais amigável com as cargas do que o Classe S regular, embora a linha do teto inclinada prejudique um pouco essa praticidade.

Galeria: Flagra - Mercedes EQS 2022

Para um carro tão grande, a cabine é relativamente pequena devido à linha do teto impressionantemente baixa que confere ao EQS um perfil lateral elegante - alguns ficariam tentados a rotulá-lo de um cupê de quatro portas. Muito parecido com o novo Classe S, o elétrico da Mercedes tem aquelas maçanetas eletrônicas para melhor eficiência aerodinâmica, melhorando o fluxo de ar. A tampa da porta de carregamento tem uma configuração semelhante e está posicionada no para-lama dianteiro no mesmo nível das maçanetas.

Outras diferenças óbvias entre os dois carros-chefe incluem os balanços significativamente mais curtas do EQS e a posição dos espelhos quando eles ficam mais baixos nas portas no caso do elétrico. A parte traseira é quase toda camuflada, mas o interessante padrão em zigue-zague das lanternas traseiras é parcialmente visível. Existem recortes na porta traseira para as luzes de ré, revelando que as lanternas são muito mais largas do que parecem inicialmente.

O painel frontal também estava escondido sob uma camuflagem pesada, mas podemos ter uma noção dos faróis e do que parece ser uma pequena grade falsa. Pela aparência daquele grande círculo sem o emblema da Mercedes, a estrela de três pontas vai dominar a frente do carro. Alguns elementos de camuflagem ausentes revelam que o protótipo tem acabamento em preto.

Chegando ao mercado em 2021, o Mercedes EQS já foi confirmado para oferecer mais de 700 quilômetros de autonomia para corresponder ao conceito homônimo introduzido no ano passado. Esse número é baseado no regime WLTP e não no antigo NEDC, então está mais perto da realidade. Dito isto, a classificação EPA provavelmente será mais baixa e, como acontece com todos os outros EV por aí, o alcance real dependerá muito de uma variedade de fatores, incluindo velocidade e tráfego.

 
 

O EQS terá de enfrentar uma dura competição, considerando que a BMW anunciou um Série 7 elétrico para o modelo de próxima geração, enquanto a Jaguar fará o mesmo com seu XJ. Adicione à mistura um suposto Audi A9 E-Tron e o Tesla Model S, e parece que a Mercedes tem muito trabalho a realizar.

*Como nota final, a forma geral do EQS me lembra do conceito IAA 2015 ilustrado abaixo.

Galeria: Mercedes-Benz Concept IAA