Empresa de Elon Musk anunciou o recrutamento de funcionários na Croácia.

No ano passado, o CEO da Tesla, Elon Musk, prometeu iniciar as vendas oficiais de veículos elétricos na "Croácia, Sérvia, Eslovênia e grande parte da Europa Oriental" no início de 2020. No entanto, a pandemia de coronavírus obviamente acabou atrasando esses planos. 

Finalmente, a marca norte-americana anuncia o inicio das atividades ao menos na Croácia, informa o site britânico Electrek. A montadora está procurando consultores para apresentar seus carros elétricos e ajudar a organizar as vendas para os consumidores finais.

Galeria: Tesla Model 3 - China

A Croácia compartilha com a Sérvia o direito de ser chamada de terra natal do inventor Nikola Tesla. Tesla era sérvio por nacionalidade, mas nasceu onde hoje fica a Croácia. Na época de Tesla, no entanto, tanto a atual Sérvia quanto a Croácia faziam parte do extinto Império Austro-Húngaro.

Musk não mencionou quais serão os próximos países no caminho da expansão global da Tesla, mas a julgar pelo contexto, não se fala sobre a Rússia ou outros países da CEI (Comunidade de Estados Independentes). No entanto, a Tesla nunca negou planos de expandir sistematicamente a geografia de sua presença, observando que se trata apenas uma questão de tempo.

A chegada oficial da montadora em um novo país costuma ser precedida pela abertura de uma rede de postos de recarga da marca. Eslovênia, Croácia e Sérvia já possuem essas estações. Na Rússia, Ucrânia e nos três Estados bálticos, eles estão "na geladeira" há vários anos.