Ônibus elétrico articulado eCitaro G chegou recentemente ao mercado.

ônibus elétrico articulado Mercedes-Benz eCitaro G passa a contar com uma importante inovação. Em comunicado divulgado nesta semana, a marca alemã anuncia que seu veículo de transporte urbano agora pode ser equipado opcionalmente com as eficientes baterias de estado sólido

Apresentado à imprensa há algumas semanas, o ônibus elétrico estava equipado inicialmente com baterias de íon-lítio NMC de 396 kWh de capacidade. O Mercedes eCitaro G possui 18 metros de extensão e capacidade para transportar 146 passageiros.

Galeria: Mercedes-Benz eCitaro G

Estado sólido

Evolução das células de íons de lítio, as baterias de estado sólido têm como principal diferença o fato de que o eletrólito (condutor de eletricidade) é um material sólido ao invés de um líquido. Os fabricantes dessas baterias utilizam diferentes materiais, como por exemplo nanofios de ouro envoltos em manganês imersos em um gel ou eletrólitos de cristal.

Principais vantagens: 

- maior densidade de energia (elas podem armazenar mais energia com o mesmo tamanho)

- capacidade de trabalhar em temperaturas mais extremas (testes indicam que elas podem operar em temperatura ambiente de até -20ºC)

- maior autonomia 

- menor tempo de carregamento

- não utiliza cobalto, então se torna mais ecológica.

Primeiro ônibus elétrico a utilizar a tecnologia de estado sólido, o Mercedes eCitaro G está equipado com baterias de 441 kWh de capacidade que fornecem 280 kWh de desempenho energético - cada bateria de estado sólido tem uma capacidade de cerca de 33 kWh, em comparação com 24 kWh do modelo de íon-lítio. Isso representa um aumento considerável da autonomia, embora a marca alemã ainda não tenha divulgado os números oficiais. 

Fonte: Daimler