Veículos podem ser elétricos a bateria ou movidos a célula de combustível.

A Daimler Trucks revelou sua estratégia de eletrificação, com a apresentação da linha de caminhões elétricos da Mercedes que serão aplicados nos serviços de distribuição urbana e transporte internacional de longa distância. Todos os três veículos terão produção em série dentro de um cronograma estipulado pela marca. 

O primeiro modelo já é bastante conhecido. Trata-se do caminhão urbano Mercedes eActros apresentado pela primeira vez em 2018. O veículo tem proposta urbana, pode rodar mais de 200 quilômetros com uma única carga e estará à venda em 2021.

Galeria: Mercedes eActros

O segundo é batizado de Mercedes eActros LongHaul. Este é um caminhão de longa distância, na verdade, um concorrente direto do Tesla Semi. O modelo da Mercedes tem autonomia para 500 quilômetros com uma única carga e segundo a marca, contará com um sistema de carregamento ultra-rápido que permitirá recuperar a carga da bateria em apenas 1 hora. Ele está programado para começar a produção em série em 2024.

Mercedes eActros LongHaul
Mercedes eActros LongHaul

Por fim, a empresa apresentou o caminhão Mercedes GenH2. Com visual semelhante ao eActros LongHaul, ele se diferencia por ser equipado com células de combustível de hidrogênio e uma pequena bateria de 70 quilowatts-hora que, segundo a Mercedes, elevam a autonomia para 1.000 quilômetros com uma carga. 

Caminhão Mercedes GenH2
Mercedes GenH2

Fruto de um projeto bastante ambicioso, o protótipo do Mercedes GenH2 tem previsão de começar os testes em 2023 e sua produção em série pode ter início a partir de 2025. A conferir. 

Fonte: Mercedes