Empresa de energia instalou 196 pontos de recarga desde Ushuaia, extremo sul do continente, até a fronteira com os EUA

As estações de carregamento são um dos pontos cruciais para a disseminação dos veículos elétricos. E com esse objetivo, a Enel X anuncia a conclusão de uma nova infraestrutura para América Latina. O braço voltado à transformação de energia do Grupo Enel instalou 196 pontos de recarga JuiceBox ao longo da Rodovia Pan-Americana, a super estrada que percorre a costa oeste do continente americano.

Esta nova infraestrutura permite deslocar-se com emissões zero por 11 países, desde Ushuaia, no extremo sul da Argentina (a estação mais meridional do mundo), a Ensenada, no México, perto de Tijuana e na fronteira com os Estados Unidos. Um corredor que tem incríveis paisagens como pano de fundo: de Cusco, na Cordilheira dos Andes, à lagoa salgada do deserto de Atacama, entre vários outros cenários.  

Galeria: Enel X - carregadores inteligentes

Documentário

Graças à esta nova infraestrutura, a criação do documentário Long Way Up também foi possível. Transmitidos pela Apple TV, além do protagonista Ewan McGregor, dois protótipos de picapes elétricas Rivian e duas Harley Davidson Livewires  (a empresa está investindo pesado em emissões zero), que encararam essa jornada rumo ao norte passando por cenários selvagens.

Enel X JuiceBox

A via de carregamento Pan-americana, denominado Corredor de Carregamento Pan-Americano, faz parte das iniciativas implementadas pela gigante de energia em apoio aos objetivos de  desenvolvimento sustentável  definidos pelas Nações Unidas, para um ecossistema baseado em infraestruturas resilientes, cidades inteligentes, processos de industrialização verdes e amplo acesso à energia de fontes renováveis.

A importância da infraestrutura

"Aceitamos o desafio de criar uma rede de pontos de recarga utilizando nossa tecnologia JuiceBox - explica Francesco Venturini, CEO da Enel X - Assim, enviamos nossas equipes aos locais mais remotos da América Latina".

"Este projeto de infraestrutura de longa duração - acrescentou Venturini - é a prova do nosso compromisso em promover os veículos elétricos em todo o mundo, tornando a escolha generalizada da mobilidade elétrica uma possibilidade mesmo em locais distantes, onde antes não havia recursos de carregamento".

venturini

"O corredor criado pela Enel X se desenvolve entre Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Peru, Costa Rica, Guatemala, Honduras, Nicarágua, Panamá e México e pode ser consultado por meio do aplicativo JuicePass da Enel X , que permite visualizar em seu smartphone a localização e o status de cada estação, tanto pública quanto privada."

Por fim, graças ao Programa de Impulso da Economia Circular aplicado a todo o seu portfólio, a Enel X destaca que está trabalhando para tornar as infraestruturas de carregamento mais circulares não só nas fases de uso, mas em todas as fases da vida do produto, a partir da combinação entre o fornecimento de energia de fontes renováveis, a reciclagem do plástico nas caixas, até a maximização das peças sobressalentes nas fases de instalação e manutenção.