Confirmação foi dada pelo CEO do BMW Group Brasil

Em sua nova plataforma de mídia, a BMW divulgou uma série de vídeos com o histórico da marca e seus esforços e planos em tecnologia e eletrificação para os próximos anos. Na parte que cabe ao Brasil, o CEO do BMW Group Brasil, Aksel Krieger, disse que o novo iX está com lançamento confirmado no país, embora ainda não tenha uma data oficial.

Questionado se o BMW iX desembarcaria no Brasil, o executivo disse: "Com certeza, estamos trabalhando para isso. Os brasileiros não podem ficar de fora dessa." 

Antecipado pelo conceito Vision iNext, o novo SUV elétrico da BMW, que na verdade adianta muito do que veremos na próxima geração de carros elétricos da marca alemã, adota um visual ousado e moderno. Com porte próximo ao de X7, ele é representa uma inovação em todos os aspectos, desde o visual, passando pela plataforma, construção e adoção de tecnologias inéditas.

Galeria: BMW iX

Apesar das amplas dimensões, o iX compensa o seu porte com a construção que utiliza materiais compostos de carbono ​​em muitos elementos da lateral, traseira e teto com a finalidade de promover maior segurança e também reduzir o peso total. Tudo isso aliado a ótima aerodinâmica, um quesito que foi extensivamente trabalhado neste SUV elétrico. 

Em termos de propulsão, o novo modelo conta com a quinta geração do trem de força eDrive, que consiste em dois motores elétricos, novas unidades de controle eletrônico e um sistema de carregamento aprimorado para a bateria de 100 kWh que fornecerá 600 km de autonomia com uma carga. 

BMW iX

A BMW fala em potência máxima de 500 cv, aceleração de 0 a 100 km/h em 5 segundos e carregamento rápido em estações de 200 kW, o que significa recarga de 10 a 80% de carga em 40 minutos e 10 minutos para ganhar 120 km de autonomia.

 

Vitrine tecnológica da BMW ao lado sedã elétrico i4, que também será apresentado na versão de produção em 2021, o iX terá como destaques as novas tecnologias de condução autônoma (preparado até o Nível 5) e assistência à condução, conectividade 5G e possibilidade de atualização de software OTA (on-the-air), entre muitas outras inovações.  

Fonte: BMW