Marca lança o modelo EV600 que será produzido sob a nova marca BrightDrop

A CES (Consumer Electronics Show) deste ano é realizada em modo virtual, o que não impediu a General Motors de apresentar sequer um carro elétrico e até uma marca totalmente nova chamada BrightDrop. Com esse nome, a produção de veículos comerciais pela gigante norte-americana começará este ano, com destaque para a van elétrica EV600.

O veículo é construído na nova plataforma da empresa e usa baterias Ultium, que a GM pretende fazer com em parceria com a LG. Os detalhes técnicos sobre a van ainda são bastante escassos, mas presumimos que pelo menos em alguns aspectos sua arquitetura deve ser próxima à da picape elétrica Hummer.

Galeria: GM BrightDrop EV600 e EP1

Estamos falando de uma van de entregas totalmente elétrica com tração nas quatro rodas e um compartimento de carga de 17.000 litros. O fabricante promete uma autonomia de 402 quilômetros com uma única carga. A capacidade da bateria não foi revelada, apenas o número de módulos de baterias Ultium é conhecido: 20. Se nossos cálculos da capacidade da bateria Hummer estiverem corretos e sabendo que existem 24 desses módulos, então podemos supor que a capacidade total no EV600 chega a 167 kWh. 

Em termos de capacidade de recarga, o EV600 está pronto para aceitar uma corrente CC relativamente modesta a 120 kW. Em uma hora, isso fornecerá uma carga para rodar 274 quilômetros.

O primeiro cliente a receber as vans elétricas neste ano será a FedEx Express. A partir de 2022, outras empresas também poderão encomendar o veículo comercial.

Além do EV600, a BrightDrop também lançará o chamado EP1. Na verdade, é algo como um rohl com acionamento elétrico, que permite movimentar cargas de até 650 litros a uma velocidade de cerca de 5 km/h. Este dispositivo também chegará ao mercado em 2021.

Vale lembrar que com o lançamento do EV600, os executivos da GM realmente cumpriram sua promessa de lançar colocar a sua van elétrica no mercado antes da Tesla.