Startup norte-americana prepara chegada à Europa de olho em fabricantes premium já estabelecidos

Quando falamos de novas marcas de carros elétricos, quase sempre acabamos usando como referência a Tesla. Foi assim no caso da Lucid Motors, a startup norte-americana que atraiu a atenção de todos ao apresentar o sedã elétrico Air com especificações técnicas surpreendentes. Mas nos planos da marca, seus concorrentes serão outros, incluindo marcas premium como a Mercedes-Benz

Nesta semana, a Lucid Motors atualizou o seu cronograma e informou que as primeiras entregas do sedã elétrico Lucid Air na Europa terão um atraso considerável e só irão acontecer no primeiro semestre de 2022 - os pedidos estão abertos desde o mês passado e a previsão era de que as entregas começassem até o final deste ano. 

Galeria: Lucid Air

Por outro lado, as entregas nos Estados Unidos, onde o modelo já está sendo encomendado desde o ano passado, irão acontecer no segundo trimestre deste ano - praticamente um ano antes do Velho Continente. 

No momento, a Lucid Motors conclui a primeira etapa da construção de sua fábrica que fica localizada no Arizona. Dessa forma, a empresa poderá produzir inicialmente 30.000 veículos elétricos por ano, um número que saltará para 400.000 unidades (do sedã elétrico e do futuro SUV elétrico) quando todas as etapas estiverem concluídas. 

Lucid Air - interior

E voltando ao sedã Air, apesar dos diversos anúncios de desempenho e rivalidade acirrada com o Tesla Model S, na Europa, o CEO da empresa afirma que o sedã está preparado para enfrentar os modelos premium como o futuro Mercedes-Benz EQS totalmente elétrico e também o novo Mercedes Classe S.  

Preços

  Disponibilidade Preço inicial Autonomia
Air 2022 abaixo de US$ 80,000 (R$ 429.000) N/A

Air Touring

final de 2021 US$ 95,000 (R$ 510.000) 653 km
Air Grand Touring meados de 2021 US$ 139,000 (R$ 746.120) 832 km
Air Dream Edition primeiro semestre de 2021 US$ 169,000 (R$ 907.200) 653 km / 809 km

Fonte: FCO