Prática teve ampla repercussão negativa no Twitter e intimidou lojistas norte-americanos

Todos os números indicam que o Ford Mustang Mach-E está fazendo sucesso no momento. No ano passado, a montadora informou ter recebido cerca de 50 mil reservas e agora a produção e as entregas estão em andamento. Em fevereiro, a Ford conseguiu entregar mais de 3.700 exemplares apenas nos Estados Unidos. Mas sabemos bem como isso funciona - quando a demanda excede a oferta, os preços tendem a subir.

É isso o que está acontecendo. Como nossos colegas do InsideEVs nos Estados Unidos relataram no ano passado, alguns revendedores da Ford estão somando US$ 15.000 (R$ 83.200) ao preço de tabela do crossover elétrico. O ágio varia amplamente dependendo da concessionária, mas na maioria dos casos, o sobrepreço é de ao menos US$ 5.000 (R$ 27.700). Existem alguns lojistas que gostam de jogar limpo, embora alguns queiram capitalizar na alta demanda pelo Mustang Mach-E.

Galeria: Ford Mustang Mach-E 2020

Isso é provavelmente o que um vendedor da Ford em Illinois tentou fazer oferecendo um Mustang Mach-E 1st. Edition Premium produzido em outubro de 2020 por US$ 69.400 (R$ 385.200) com um acréscimo de US$ 10.000 (R$ 55.500). O preço chamou a atenção de John Voelcker, um dos "10 maiores influenciadores automotivos no Twitter", de acordo com a GlobalData Automotive. Ele postou o adesivo de preço no Twitter e desencadeou uma discussão na plataforma social e no Fórum Mach-E. 

Menos de um dia após o tweet de Voelcker, Mark Levine, gerente de comunicações de produtos da Ford América do Norte, respondeu com a informação de que "o sobrepreço foi removido deste Mach-E". Embora isso possa parecer uma resposta muito natural do fabricante, tenha em mente que os revendedores são entidades distintas que podem definir suas próprias estratégias e regras. Simplificando, os revendedores não são obrigados a seguir todos os pedidos da empresa, eles podem tomar suas próprias decisões.

Estamos contentes por um fabricante de automóveis tradicional ter feito um esforço extra para contatar seu revendedor e fazê-los desistir de cobrar um alto ágio para um produto importante dentro da marca. Fez isso na velocidade de um tweet e agora todos sabemos que é realmente possível. O exemplo já foi dado.

Siga o InsideEVs Brasil no Twitter

Siga o InsideEVs Brasil no Facebook

Siga o InsideEVs Brasil no Instagram