Marca japonesa acredita na importância dos elétricos, mas pede apoio para outros tipos de propulsão ecológicos

De acordo com uma matéria recente do Automotive News, a Toyota foi ao legislativo dos Estados Unidos com pedidos de apoio às políticas de "inclusão de tecnologia" para vários tipos de motores de veículos. Essencialmente, a Toyota quer mais crédito e apoio para seus futuros veículos ecológicos que não são elétricos.

A montadora japonesa está apoiando seus carros híbridos e tem planos para outras tecnologias que estão em andamento. Ela tem trabalhado mais arduamente do que qualquer outra empresa para reduzir as emissões por meio do uso de tecnologia híbrida.

Toyota Mirai 2021: impressões ao dirigir

Vamos ser honestos em dizer que não temos pudor em chamar a Toyota de rainha dos híbridos. No entanto, o apoio do governo é fundamental para que os carros elétricos acelerem sua disseminação. O suporte para híbridos, hidrogênio e outras tecnologias de trem de força podem complicar a situação.

Afirma-se que a Toyota testemunhou nesta semana ao Comitê de Energia e Recursos Naturais do Senado dos Estados Unidos. O diretor de pesquisa de energia e meio ambiente da Toyota Motor América do Norte, Robert Wimmer, explicou:

"Concordamos que os carros elétricos a bateria são uma parte importante da resposta - mas não são a única resposta",

"Essa diversidade de requisitos é exatamente o motivo pelo qual os fabricantes oferecem uma ampla variedade de tipos de veículos, estilos e conjuntos de força. É também precisamente por isso que várias vias de eletrificação são necessárias para reduzir as emissões de carbono. Se amarrarmos nosso cavalo a uma única abordagem, muitos consumidores simplesmente optarão por um veículo de combustão interna."

Toyota RAV4 Prime 2021

Enquanto isso, rivais como Ford, General Motors, Volkswagen e outros estão colocando em prática planos para mergulhar de cabeça nos carros elétricos. Na verdade, alguns fabricantes de automóveis tradicionais anunciaram oficialmente planos para interromper totalmente a produção de carros a gasolina no futuro. 

Lembre-se de que, essencialmente, todos os fabricantes de automóveis convencionais hesitaram e/ou demoraram em avançar com a eletrificação. Os carros elétricos não são fáceis, isso foi comprovado ao longo desse tempo, e além disso não são baratos.

Toyota Mirai: primeiras impressões

A Toyota tem um negócio de veículos híbridos muito bem sucedido e mudá-lo para uma linha totalmente elétrica seria um empreendimento caro que pode não reduzir as emissões significativamente no início, simplesmente com base no volume. Uma vez que a montadora japonesa já está trabalhando duro para reduzir as emissões e vende uma série de híbridos, ela continua a alardear isso em oposição a buscar seriamente os veículos elétricos a bateria.

A Toyota também teme que os carros elétricos simplesmente não vendam muito bem. Wimmer disse:

"No ano passado, menos de 2 por cento dos veículos vendidos na América eram elétricos a bateria. Se quisermos fazer um progresso dramático na eletrificação, será necessário superar enormes desafios, incluindo infraestrutura de reabastecimento, disponibilidade de bateria, aceitação e acessibilidade do consumidor e a confiabilidade de a rede elétrica."

Siga o InsideEVs Brasil no Twitter

Siga o InsideEVs Brasil no Facebook

Siga o InsideEVs Brasil no Instagram

Galeria: Toyota RAV4 Prime 2021