SUV elétrico já faz sucesso na Europa com mais de 23.500 pedidos

O Volkswagen ID.4 tem a missão de ser o carro elétrico com maior volume de vendas da marca alemã, ao menos por enquanto. Enquanto as primeiras unidades do SUV elétrico já chegaram a alguns mercados, entre eles os Estados Unidos, agora chegou a vez de sua terra natal, a Alemanha

Em um comunicado oficial e algumas imagens divulgadas, a Volkswagen anunciou a entrega das primeiras unidades do ID.4 para os clientes alemães nas instalações da marca em Dresden e Wolfsburg.

Galeria: Volkswagen ID.4 - primeiras entregas na Alemanha

Durante a entrega do SUV elétrico, alguns clientes relataram que já possuíam um ID.3 na família. "Eu simplesmente amo a nova família ID., então tive que comprar outro imediatamente", disse Mario Heyer, que é um dos primeiros a receber o novo VW ID.4.

Bem sucedido, assim como o primeiro elétrico ID.3, o novo ID.4 já teve mais de 23.500 pedidos em toda a Europa até o final de fevereiro. Isso levando em conta o fato de que muitas concessionárias estavam fechadas por conta da pandemia. 

"O lançamento do ID.4 foi muito bem-sucedido e o carro foi bem recebido pelos clientes", disse Klaus Zellmer, Membro do Conselho de Vendas da Volkswagen. "Ainda temos grandes planos - pretendemos entregar cerca de 150.000 veículos em todo o mundo só este ano. Isso é cerca de um terço de nossa produção planejada de 450.000 veículos elétricos em 2021. O carro mundial é, portanto, um pilar fundamental de nossa ofensiva elétrica acelerada."

O SUV elétrico Volkswagen ID.4 é produzido ao lado do hatch elétrico ID.3 na fábrica alemã de Zwickau, que recentemente passou a adotar o terceiro turno de produção. O objetivo é dar conta da alta demanda e atingir a faixa de produção diária de 1.400 veículos elétricos até meados do ano. 

A Volkswagen pretende entregar 150.000 exemplares do novo ID.4 em todo o mundo neste ano, de um total de 450.000 carros elétricos que serão produzidos globalmente pela marca até o fim de 2021. 

Siga o InsideEVs Brasil no Twitter

Siga o InsideEVs Brasil no Facebook

Siga o InsideEVs Brasil no Instagram