Modelos serão destinados ao mercado norte-americano, onde a briga das picapes elétricas promete ser acirrada

Assim como outras grandes montadoras, a Volkswagen também pretende entrar no mercado de picapes elétricas. A divisão norte-americana da montadora confirma estar trabalhando no desenvolvimento avançado de duas caminhonetes para os Estados Unidos. 

A informação foi dada por Hein Schafer, diretor de marketing da Volkswagen nos Estados Unidos, que afirmou que a montadora está desenvolvendo duas novas picapes, que são veículos completamente novos e, portanto, não se trata dos projetos já conhecidos da novas Amarok e Tarok. 

Galeria: Volkswagen Atlas Tanoak Concept

Construídas sobre a plataforma elétrica MEB, ambos os modelos estão sendo pensados principalmente para o mercado norte-americano. O executivo descartou ainda que os EUA tenham o lançamento de picapes com motores a combustão, como a Amarok, por exemplo - ao menos em um primeiro momento. 

Segundo o executivo, a arquitetura MEB, que é utilizada pela maioria dos veículos elétricos do Grupo Volkswagen, dará a possibilidade de a empresa desenvolver "uma picape média e outra um pouco maior".

Com o lançamento de duas picapes elétricas a Volkswagen terá mais força para concorrer no disputado mercado norte-americano. Vale lembrar que a briga por lá promete ser bem acirrada com a chegada de modelos como a Ford F-150 elétrica, Rivian R1T, Tesla Cybetruck e a futura caminhonete elétrica da Chevrolet, que terá o porte de uma Silverado e será mais 'convencional' que o imponente GMC Hummer EV.

Além disso, a Volkswagen anunciou recentemente a nova (e ainda mais ambiciosa) meta de eletrificação da frota: veículos elétricos representando 70% nas vendas na Europa e 50% de participação em mercados como a China e os Estados Unidos em 2030. 

Siga o InsideEVs Brasil no Twitter

Siga o InsideEVs Brasil no Facebook

Siga o InsideEVs Brasil no Instagram