Terceira geração do carro elétrico urbano chega ao país em duas versões com autonomia de 385 km

O novo Renault Zoe já está à venda no Brasil. O carro elétrico compacto mais vendido na Europa no ano passado chega ao país em duas versões de acabamento, trazendo novos equipamentos e visual renovado, além de melhor desempenho e autonomia. 

Em sua terceira geração, o novo Renault Zoe manteve as dimensões e linhas gerais da carroceria do modelo anterior. Em termos de visual, as principais novidades estão na grade frontal e no para-choque, um logo maior da Renault e novos faróis que recebem luzes em LED desde o modelo de entrada. 

Galeria: Renault Zoe 2020

Por outro lado, o interior evoluiu bastante e passa a contar com um painel de instrumentos digital com tela de 10 polegadas e uma segunda tela, com 7" na posição vertical para o sistema de informação e entretenimento EasyLink, compatível com Android Auto e Apple CarPlay. O seletor de câmbio também foi redesenhado, com uma nova alavanca.

Na parte traseira, a Renault promete a melhor habitabilidade do segmento, graças a uma elevação central mínima. O porta-malas de 338 litros e o banco traseiro rebatível contribuem para a grande capacidade de carga.

"O novo Zoe conta com a vantagem inigualável de quase dez anos de expertise na concepção e fabricação de veículos elétricos. A nova geração do modelo aprimora e moderniza um veículo já considerado como uma referência no mercado", afirma Ricardo Gondo, presidente da Renault do Brasil.

Renault Zoe 2020

Na parte técnica, o novo Renault Zoe agora conta com baterias de 52 kWh, que entregam 30% mais alcance em comparação às baterias de 41 kWh usadas anteriormente - agora são 385 km de autonomia pelo padrão europeu WLTP (o antecessor tinha 300 km). 

E o motor elétrico ficou mais potente, gerando 100 kW (136 cv) e 24,5 kgfm de torque - contra 92 cv e 22,4 kgfm - que são suficientes para o compacto acelerar de 0 a 100 km/h em 10 segundos, contra 13,2 do modelo anterior. 

A Renault também oferece um novo wallbox de 7 kWh para os donos do Zoe e menor tempo de recarga: em um ponto de recarga rápida de 50 kWh é possível recuperar 90% da carga em 30 minutos. Em uso doméstico, esse tempo sobe para 9 horas e 25 minutos.

Renault Zoe 2020

Equipamentos

A versão de entrada Zen conta com piloto automático, ar condicionado automático, central multimídia com tela de 7", 4 airbags, controle de estabilidade, sensor de pressão dos pneus, sensor de estacionamento traseiro, sensor de chuva, faróis com acendimento automático, faróis de neblina e rodas de liga leve aro 16".

Um degrau acima, a versão Intense adiciona retrovisores elétricos, retrovisor interno fotocrômico, câmera de ré, assistente de frenagem de emergência, monitor de pontos cego e sensor de estacionamento dianteiro e traseiro. 

A lista de recursos do novo Zoe ainda inclui como opcionais Park Assist, sistema de reconhecimento de sinais de trânsito e aplicativo que permite controlar algumas funções do carro como programar o ar-condicionado, conferir o estado da carga das baterias e a autonomia. 

Produzido desde 2012 na fábrica de Flins, na França, o Renault Zoe foi lançado na Europa no mesmo ano e chegou ao Brasil no final de 2018 - o carro elétrico urbano da Renault já vendeu mais de 270.000 unidades ao redor do mundo.  

Preços

Agora, o novo Zoe está à venda em 12 revendas da Renault e também pode ser comprado online. O modelo começa a ser vendido no Brasil em duas versões de acabamento: Zen (R$ 204.990) e Intense (R$ 219.990) - um aumento discreto no preço em comparação ao modelo anterior, que saía por R$ 203.678 e R$ 205.678, respectivamente. 

Siga o InsideEVs Brasil no Twitter

Siga o InsideEVs Brasil no Facebook

Siga o InsideEVs Brasil no Instagram

Galeria: Renault Zoe 2020 - fotos de estúdio