Futura unidade inicia as atividades em 2022 e terá capacidade para 350.000 carros elétricos por ano

A Volkswagen anunciou o início da construção de uma nova fábrica de carros elétricos na China. Seguindo a todo vapor com a eletrificação no país asiático, a marca alemã irá erguer uma nova unidade de produção da joint venture Volkswagen Anhui, que envolve a Volkswagen (75% de participação) e a JAC Motors.

Prova da força do Grupo Volkswagen na China, está será a terceira fábrica destinada para carros elétricos baseados na plataforma MEB no país, depois das já concluídas unidades de Anting (SAIC Volkswagen) e Foshan (FAW-Volkswagen), locais onde são produzidas as duas versões locais do Volkswagen ID.4. 

Galeria: Volkswagen ID.6

A construção da fábrica da Volkswagen Anhui será concluída em meados de 2022 e iniciará a produção de carros elétricos no segundo semestre de 2023. Quando estiver operando a pleno vapor, será capaz de produzir até 350.000 veículos elétricos a bateria por ano.

O Grupo Volkswagen China planeja entregar até 1,5 milhão de unidades dos chamados NEVs - New Energy Vehicles - por ano até 2025. As três fábricas baseadas na arquitetura MEB serão capazes de produzir juntas até 950.000 veículos por ano neste primeiro momento, o que significa que novos investimentos serão necessários.

fábrica Volkswagen - China

A construção da nova fábrica da Volkswagen inclui a modernização e expansão da fábrica anterior da Jianghuai Automobile Group (dona da JAC Motors) e uma linha de produção de carrocerias totalmente nova. O projeto cobre uma área total de 500.000 metros quadrados, dos quais a nova oficina de carrocerias deve ocupar uma área de aproximadamente 141.000 metros quadrados. 

A nova unidade adotará uma série de medidas de economia de energia, incluindo o uso de piso aquecido a vapor na área de escritórios e a seleção de equipamentos de produção de baixo consumo de energia, para ajudar o grupo a atingir a meta de redução das emissões gerais de carbono. Além disso, o projeto também prevê a construção de um parque de fornecedores de baterias e peças no entorno da fábrica.

Dr. Stephan Wöllenstein, CEO do Grupo Volkswagen China, disse:

"A Volkswagen Anhui está definida para se tornar um centro global de inovação em mobilidade elétrica e uma pedra angular da estratégia de descarbonização do Grupo. Como a China é o maior mercado único do mundo para veículos NEV, precisamos fortalecer nossa competência local, e a Volkswagen Anhui é uma parte significativa dela. Com a usina alimentada por energia verde desde o primeiro dia, estamos demonstrando nosso compromisso em reduzir as emissões de carbono além de nossa frota." 

Siga o InsideEVs Brasil no Twitter

Siga o InsideEVs Brasil no Facebook

Siga o InsideEVs Brasil no Instagram 

Galeria: SAIC Volkswagen ID.4 X