Próxima geração será apresentada em 2021 e deve dar primeiro passo para eletrificação com versão híbrida

Após o crossover Mach-E, agora o lançamento de um Mustang elétrico passa a ser questão de tempo. Tanto é que a Ford já trabalhou com a Webasto para criar um protótipo único do esportivo que entrega mais de 900 cv - o Mustang Lithium EV Concept, que foi mostrado no SEMA Show 2019. Mas este carro é só uma ideia do que virá. Segundo Ron Heiser, engenheiro-chefe do Mustang Mach-E, um Mustang elétrico está no horizonte agora que o Mach-E está sendo vendido.

Galeria: Ford Mustang Lithium EV Concept

Conversando com o site australiano Motoring, Heiser explicou que a plataforma do Mach-E é uma arquitetura que será usada em vários modelos elétricos da Ford nos próximos anos - e nem todos terão o nome Mustang. A nova base EV é altamente flexível, o que permite ser esticada ou encurtada, acomodando motorizações de tração traseira ou integral, e até mesmo tipos diferentes de bateria.

Dito isso, Heiser ainda comentou que um Mustang elétrico é uma possibilidade, mas que ninguém sabe quando será lançado. Seu pensamento é que o Mustang EV será realidade porque o mercado irá mudar eventualmente para modelos elétricos. Será que o futuro Mustang EV será tão poderoso quanto o Lithium Concept? Heiser não confirma, mas, considerando que a Ford o fez com a plataforma normal do esportivo, não é difícil imaginar que a versão de produção será ainda melhor.

A nova geração do Ford Mustang está programada para 2021 e rumores dizem que terá uma versão híbrida. A marca fez a patente de um sistema eletrificado que utiliza um motor V8 com dois motores elétricos. Uma apresentação da Ford feita em 2017 já revelava que esta variante está nos planos da empresa.

Fonte: Motoring