Empresa americana vale mais de US$ 88 bi, mais que as duas concorrentes somadas...

As vidas de Elon Musk e da Tesla estão agitadas. Depois de apresentar a polêmica Cybertruck e inaugurar uma fábrica na China para o novo Model Y, o executivo americano deve estar comemorando o resultado disso tudo. As ações da Tesla atingiram números surpreendentes, chegando perto dos US$ 500/cada, resultando em US$ 88,2 bilhões de valor total. 

Ou seja, além de uma valorização de mais de 100%, a Tesla vale mais que General Motors e Ford, suas conterrâneas mais tradicionais. Enquanto a GM vale US$ 49,4 bi, a Ford está em US$ 36,6 bi - sim, nem somando as duas elas chegam ao valor da Tesla, algo surpreendente para uma marca relativamente nova no mercado, apesar da tradição quando falamos em tecnologia. 

Porém ainda há alguns problemas com a Tesla. A fabricante de Elon Musk ainda tem, segundo analistas de mercado, o comportamento de uma startup, sem uma solidez de lucros apesar da valorização. Basta ver as estimativas de vendas em 2019 (o ano fiscal ainda não acabou), com US$ 24 bi da Tesla contra US$ 138 bi da GM e US$ 144 bi da Ford. Estamos falando de duas marcas com mais modelos e mais tradição, além de uma diversidade maior de valores em sua linha - ou seja, atingem um público maior. 

Galeria: Tesla Cybertruck Pickup

Vale lembrar que a Tesla, apesar de famosa pela tecnologia em elétricos e sistemas semi-autônomos, enfrenta alguns problemas de qualidade de construção e na produção, como a demora para a entrega das primeiras unidades do Model 3 ou os casos de quebras de suspensão e alinhamento de peças até mesmo do Model S. A empresa americana voltou ao centro das atenções com a picape Cybertruck, que apesar do visual polêmico, já tem milhares de reservas.