Sedã tem até teto equipado com painel solar para gerar energia e reduzir o consumo

Depois de estrear para o público no Salão de Chicago, ainda no ano passado, o Hyundai Sonata Hybrid 2020 finalmente começa a ser oferecido nos Estados Unidos. Aposta eletrificada de grande peso comercial da marca, a novidade combina motor 2.0 a gasolina de 152 cv e 19,7 kgfm de torque com um propulsor elétrico e 51 cv, num total de 195 cv combinados.

O catálogo será divido em três acabamentos: Blue, SEL e Limited. A primeira, focada na eficiência, promete consumo de 21,2 km/l na cidade, 22,9 km/l na estrada e 22,1 km/l em ciclo combinado. Além disso, a Hyundai promete autonomia de 1.100 km, reforçada pelo painel solar instalado no teto que ajuda a recerregar as baterias. Os demais modelos têm médias de 19,1 km/l, 21,6 km/l e 19,9 km/l, respectivamente.

Galeria: Hyundai Sonata Hybrid 2020

Visualmente, as mudanças na comparação com o Sonata convencional são sutis. Há apenas inserções aerodinâmicas mais eficientes, grade frontal revisada, rodas com desenho exclusivo e emblemas próprios. No inteiror, o sistema de entretenimento de série é de 8 polegadas, mas opcionalmente o cliente pode fazer upgrade para uma tela de 10,25 polegadas, bem como adquirir quadro de instrumentos digital de 12,3 polegadas.

Entre os principais itens de segurança, destaque para assistente anti-colisão frontal, alerta de colisão traseiro, detector de pontos cegos, alerta de mudança de faixa e piloto automático adaptativo.