Nova geração do hatch tem autonomia de 320 km. Preços devem ficar na casa de R$ 200 mil

Apresentado nesta semana, na versão online do que seria o Salão de Genebra, o novo Fiat 500 agora é totalmente elétrico. Como InsideEVs antecipou em primeira mão, o hatchback será vendido no Brasil, informação que agora a fabricante confirma publicamente, afirmando que ele chegará ao nosso mercado no final de 2020. Preços ainda não foram revelados, mas considerando que na Europa ele custa 37.900 euros (o que equivalente a R$ 190 mil), ele não deve custar cerca menos de R$ 200 mil por aqui.

Desenvolvido especificamente para ser um carro elétrico, o novo Fiat 500 irá conviver com sua geração anterior. Isso porque ele não terá motores a combustão ou mesmo uma variante híbrida, o que ficará restrito ao modelo antigo. A aposta da Fiat-Chrysler é que o 500 abra caminho para outros veículos totalmente elétricos da empresa, o tecnologia que chegará aos modelos da Jeep no futuro.

O novo 500 é equipado com um motor elétrico de 87 kW, o que equivale a 118 cv de potência, enquanto o torque não foi revelado. Para provar que é bem ágil, a fabricante diz que ele alcança 50 km/h em 3,1 segundos, enquanto a aceleração de 0 a 100 km/h requer 9 segundos. A velocidade máxima é limitada eletronicamente em 150 km/h, como forma de preservar a autonomia de 320 km, pelo ciclo de testes europeu WLTP.

Suas baterias de íon-lítio têm capacidade de 42 kWh e estão preparadas para usar postos de recarga rápida. Ele é capaz de recuperar 80% de sua carga total em apenas 35 minutos ou, se não quiser esperar tudo isso, 5 minutos para conseguir 50 km de autonomia. É possível carregar por um wallbox de 7,4 kW, subindo o tempo de recarga rápida para pouco mais de seis horas. Em uma tomada comum, o tempo necessário sobe para 14 horas.

A FCA ainda destaca que a nova geração do 500 é o primeiro carro do segmento a oferecer condução autônoma de nível 2. Ou seja, ele tem controle de cruzeiro adaptativo, usando câmeras e sensores para acelerar e frear de acordo com a velocidade do carro à frente, além de reagir a obstáculos que apareçam repentinamente, como ciclistas e pedestres. Também mantém o veículo na pista, identificando as faixas da via.

Galeria: Fiat 500 2021

Outra estreia é a central multimídia Uconnect 5, feita a partir do sistema Android Auto e com conexão à internet permanente, com uma tela de 10,25”. É capaz de usar Apple CarPlay e Android Auto sem fio, além de contar com reconhecimento de voz para controlar alguns itens do veículo, como o ar-condicionado.

O novo Fiat 500 elétrico será um dos primeiros veículos eletrificados da FCA a chegar ao Brasil. Além dele, a empresa já confirmou que trará o Jeep Renegade 4xe, versão híbrida plug-in do SUV, com lançamento prometido também para este ano. Outra novidade será o Compass 4xe, previsto para desembarcar entre o final de 2020 e começo de 2021.