Flagrada em testes, a nova geração do Astra será baseada no Peugeot 308 e terá versão recarregável pela primeira vez

Algumas pessoas argumentariam que o VW Golf tem dominado as vendas europeias por muito tempo e que precisa ser destronado. À primeira vista, o novíssimo Peugeot 308 parece ser uma séria ameaça para o hatchback de Wolfsburg, talvez mais do que nunca. E ele não estará sozinho em sua briga contra a galinha dos ovos de ouro do Grupo Volkswagen, pois seu aliado alemão Opel Astra bate à porta.

Baseado na terceira geração 308, o renovado Opel Astra estreará no final deste ano. Ele já foi visto algumas vezes como um protótipo totalmente disfarçado, e nossos espiões nos enviaram agora novas imagens de um veículo de teste diferente. Ainda parece ser da versão híbrida plug-in, mas as rodas são um pouco menores e deixaram cair a camuflagem.

Galeria: Opel Astra 2022 - flagra

Embora as novas imagens não sejam mais indicativas do design externo em comparação com os flagras anteriores, é um bom lembrete de que o Astra será muito mais do que um simples 308 rebatizado. Isso não é uma surpresa, considerando que a Stellantis se esforçou muito para separar visualmente o Peugeot 208 menor do Opel Corsa relacionado mecanicamente, e será uma história semelhante com os hatches médios.

Híbrido plug-in

Ao contrário do Astra K que está de saída, seu sucessor retornará à fábrica em Rüsselsheim, Alemanha. Ao utilizar a mesma base EMP2 do 308 esperamos um mix quase idêntico de motores a gasolina e diesel, juntamente com uma dupla de híbridos plug-in. Na configuração menos potente PHEV, o Peugeot oferece uma potência combinada de 180 cv, enquanto a variante 'forte' produz 225 cv. Ambos compartilham um layout de tração dianteira, uma transmissão automática de oito velocidades e uma bateria de 12,4 kWh fornecendo 60 quilômetros de alcance certificado pelo WLTP.

A Peugeot confirmou recentemente que um 308 totalmente elétrico se prepara para a estreia em 2023 para enfrentar o VW ID.3, mas é prematuro dizer se seu irmão Astra também perderá o motor de combustão mais tarde. Enquanto isso, há rumores de que uma versão quente OPC chegará ao mercado como um híbrido de desempenho com 300 cavalos de potência, 45,9 kgfm de torque, e tração integral em uma configuração emprestada do Grandland X Hybrid4.

A lógica nos diz que a Opel apresentará o novo Astra em sua terra natal em setembro no IAA, mas não em Frankfurt, já que o evento foi transferido para Munique. Uma estreia online poderia ocorrer alguns dias ou semanas antes.

Siga o InsideEVs Brasil no Twitter

Siga o InsideEVs Brasil no Facebook

Siga o InsideEVs Brasil no Instagram