Empresa norte-americana anuncia perdas de US$ 125 milhões no 1° trimestre e reduz drasticamente a produção da picape elétrica

Nesta semana, a norte-americana Lordstown Motors anunciou um prejuízo líquido de US$ 125 milhões no primeiro trimestre de 2021 e ao mesmo tempo afirmou que a produção inicial da picape elétrica Lordstown Endurance, uma das rivais da Ford F-150 Lightning, seria reduzida em pelo menos 50%. Agora, em um novo comunicado, a empresa diz precisar urgentemente de uma injeção de capital... ou então estará em apuros. 

"Precisamos de capital adicional para implementar nosso plano de negócios e ele pode não estar disponível em termos aceitáveis e isso criaria dúvidas substanciais quanto à nossa capacidade de continuar em funcionamento."

Galeria: Lordstown Motors Endurance

De acordo com o relatório do primeiro trimestre da Lordstown Motors, 48 ​​dos 57 veículos beta foram construídos e o programa beta deverá ser concluído no final de junho ou em uma data próxima. A picape Lordstown Endurance também passou em dois dos mais difíceis testes de colisão - o de impacto frontal e diagonal (teste do poste). 

A produção do lote inicial está prevista para começar no final de setembro de 2021, mas com uma capacidade limitada (não divulgada).

"A produção esperada da Endurance em 2021 será limitada e, na melhor das hipóteses, ficará em 50% de nossas expectativas anteriores."

Lordstown Motors Endurance

A Lordstown Motors explica que encontrou vários desafios que afetam o lançamento da picape Endurance:

"Isso inclui despesas significativamente maiores do que o esperado com peças / equipamentos, altos custos de envio e despesas associadas a recursos de engenharia de terceiros. Garantimos várias peças e equipamentos essenciais com antecedência, então ainda estamos em posição de acelerar o Endurance, mas precisamos de capital adicional para executar nossos planos. Acreditamos ter várias oportunidades de levantar capital de várias formas e já iniciamos essas discussões."

Lordstown Endurance Interior - painel

O maior problema é a posição de caixa insuficiente para lançar uma picape nova totalmente elétrica. Como entendemos, na posição atual, a empresa ficará com apenas US$ 50-75 milhões em caixa e equivalentes a caixa no final deste ano:

"Estamos atualizando a perspectiva financeira para 2021 que fornecemos anteriormente em nosso relatório de resultados do quarto trimestre de 2020. A orientação revisada é a seguinte:

  • A produção esperada do Endurance em 2021 será limitada e, na melhor das hipóteses, será de 50% de nossas expectativas anteriores.
  • Despesas de capital esperadas entre US$ 250 e US$ 275 milhões.
  • Despesas operacionais esperadas entre US$ 55 e US$ 60 milhões em custos de vendas e administrativos (S&A) e entre US$ 280 e US$ 290 milhões em custos de pesquisa e desenvolvimento (P&D).
  • Liquidez esperada para o final do ano de 2021 entre US$ 50 e US$ 75 milhões em caixa e equivalentes de caixa após aplicar algumas reduções de custo e atrasos nos investimentos."

Especialistas estimam que a empresa norte-americana ainda precisará de alguns bilhões ao todo. Saberemos mais sobre o assunto na próxima Lordstown Week durante a semana que começa em 21 de junho.

A Lordstown Motors espera obter ajuda externa na forma de empréstimo para a Fabricação de Veículos com Tecnologia Avançada (ATVM), bem como "créditos fiscais e concessões em várias jurisdições".

Outros problemas não diretamente relacionados no horizonte são, é claro, os concorrentes, incluindo a recém-lançada Ford F-150 Lightning, que especialmente na versão Pro pode acabar com o sonho da Lordstown Endurance.

Apresentada em julho de 2020, a Lordstown Endurance promete uma autonomia de 400 km e um sistema de tração nas quatro rodas com quatro motores e capacidade de reboque de até 3,4 toneladas*. O preço inicial da versão de cabine com caçamba de comprimento médio será de US$ 52.500/R$ 266.300 ou US$ 45.000/R$ 228.300 após a dedução do crédito de imposto federal. 

Siga o InsideEVs Brasil no Twitter

Siga o InsideEVs Brasil no Facebook

Siga o InsideEVs Brasil no Instagram