Após os últimos flagras com a carroceria definitiva, antecipamos como pode ser o visual da futura Kombi

O Volkswagen ID.Buzz já circula disfarçado pelas ruas. Protótipos do que será o sucessor elétrico da lendária Kombi têm sido frequentemente vistos usando um Transporter T6.1 como mula, ou seja, plataforma de emissão zero e trem de força e carroceria de um veículo bastante conhecido no mercado.

Recentemente, no entanto, um ID.Buzz foi finalmente pego em sua forma definitiva. Na verdade, quase. Ainda havia alguma camuflagem: principalmente na dianteira e na lateral, onde foram aplicados painéis escuros para cobrir o emblema e alguns detalhes estéticos. Mas havia o suficiente para chegar a uma projeção que poderia ser bastante fiel ao que o modelo de produção será. E aqui está ela.

Galeria: Volkswagen ID. Buzz - Salão de Frankfurt

Versão comercial e de lazer

Os primeiros protótipos do ID.Buzz apareceram com os clássicos arranjos para o tempo livre e a vida ao ar livre. Três fileiras de assentos, grandes superfícies de vidro, pinturas brilhantes de dois tons e uma série de acessórios para destacar sua personalidade, como bicicletas ou pranchas de surf.

Já o veículo flagrado pelo Motor1 tem a parte traseira toda em chapa. O ID.Buzz, na verdade, será o primeiro veículo comercial construído na plataforma MEB. De fato, várias versões são consideradas, tanto "civil" quanto de trabalho (esta última talvez apenas para a Europa), e pensa-se que também podem ter medidas diferentes entre si, com entre-eixos mais longos (ou encurtados) e algumas outras novidades.

VW I.D. Buzz (2017)

Além da curiosidade sobre como será a versão de produção, esperada para o próximo ano, e quantas variantes estarão disponíveis, resta saber qual será o nome definitivo. É praticamente certo, que quando chegar ao mercado não se chamará mais ID.Buzz. O que se sabe, porém, é que ele não substituirá nenhum modelo atualmente à venda, mas será colocado como uma alternativa de emissão zero ao Transoprter ou mesmo ao Touran, dos quais será bem diferente, também pelo visual retrô. 

Do ponto de vista mecânico, o Volkswagen ID.Buzz, que será produzido em Hanover, na Alemanha, deve oferecer baterias entre 48 e 110 kWh, o suficiente para garantir uma autonomia de até 600 km no ciclo WLTP. 

Certamente, diferentes níveis de potência também estarão disponíveis, mas detalhes ainda não foram divulgados. O protótipo, que tinha dois motores e tração nas quatro rodas para um total de 374 cv. Na verdade, um esquema 4x4 poderia ser proposto para as versões mais sofisticadas, talvez adotando o esquema usado pelo ID.4 GTX, que tem 299 cavalos de potência.

Como já dissemos, a versão de produção do ID. Buzz também está cotada para o Brasil, onde poderá resgatar o nome da veterana Kombi, mas agora numa roupagem moderna e com propulsão elétrica. Algo que deve acontecer até 2023.  

Siga o InsideEVs Brasil no Twitter

Siga o InsideEVs Brasil no Facebook

Siga o InsideEVs Brasil no Instagram

Galeria: Volkswagen ID Buzz: flagra do protótipo com a carroceria definitiva