Sistema de regeneração ajuda na recarga da bateria

Natal chegando e é comum vermos árvores enfeitadas com luzes e bolinhas coloridas, assim como ações de fabricantes que enfeitam seus carros. A Nissan fez isso com o Leaf, mas com um propósito além: a marca quer mostrar que, além de se alimentar, o Leaf gera energia suficiente para outras diversas funções, digamos, natalinas.

Segundo a Nissan, se um Leaf rodar 18 mil quilômetros com o sistema e-Pedal, que regenera a energia de frenagens sem o uso do pedal do freio e de uma forma mais eficiente, serão gerados 744 kWh, ou o suficiente para alimentar 266 árvores de Natal com 700 luzes cada por uma hora. Ou 744 televisores por cinco horas para assistir filmes ruins e bregas de Natal.

Galeria: Nissan Leaf virou árvore de Natal

Sua casa está enfeitada? Esta energia pode alimentar 10.783 casas com 1.000 luzes de LEDs por cinco horas. Ou 297 fornos elétricos por uma hora para esquentar a comida que sobrou da ceia no dia seguinte. Este Nissan Leaf de Natal tem 15.200 luzes. 

No Brasil, o Nissan Leaf é vendido por R$ 195 mil. A autonomia divulgada é de 240 km, com 190 cv de potência e 32,6 kgfm de torque e, neste preço, está incluso o wallbox para recarga em casa, para recuperar a energia das baterias de 40kWh em 8 horas, enquanto numa tomada 220V demora até 20 horas.