Ambos tem mais de 300 cv e prometem fazer até 71,4 km/litro

Os rumores eram verdadeiros. O Land Rover Range Rover Evoque passa a contar com um motor de três cilindros acoplado a um sistema híbrido plug-in. Ele apareceu em testes em janeiro e não será o único modelo da marca a usar esta motorização, pois o Discovery Sport também receberá o sistema, chamado de P300e.

A base do sistema híbrido do Range Rover Evoque P300e é o motor 1.5 turbo de três cilindros, que gera 200 cv e que tem a ajuda de uma unidade elétrica de 109 cv montada no eixo traseiro e baterias de 15 kWh. A potência combinada alcança os 309 cv, enquanto o torque máximo é de 55 kgfm, números que valem também para o Discovery Sport.

Galeria: Land Rover Range Rover Evoque P300e 2020

Em termos de performance, o Evoque (que é o menor e mais leve dos dois) alcança os 100 km/h em 6,4 segundos, enquanto o Discovery Sport (levemente mais pesado) precisa de 0,2 segundo mais. Ambos tem velocidade máxima de 135 km/h no modo elétrico. Pelo ciclo WLTP usado na Europa, o Evoque P300e emite apenas 32 g/km de CO2, tem uma autonomia elétrica de 66 km e faz o equivalente a 71,4 km/litro. Já o Discovery Sport P300e consegue rodar por 62 km apenas com a energia das baterias, o que corresponde a uma emissão combinada de CO2 de 36 g/km, enquanto o consumo é de 62,5 km/litro.

Galeria: Land Rover Discovery Sport P300e 2020

O sistema híbrido pode operar em três modos diferentes: Hybrid, EV e Save. O primeiro usa os dois motores de forma alternada; o segundo é para rodar apenas no modo elétrico; enquanto o terceiro é para usar somente o motor a gasolina, mantendo a energia das baterias. A Land Rover diz que colocou as baterias embaixo dos bancos traseiros e são protegidas por uma placa de aço de 6 mm "sem comprometer as conhecidas capacidades off-road dos veículos."

Uma carga completa da bateria leva menos de 7 horas usando uma tomada normal. Com o uso de um wallbox de 7 kW, ou em uma estação de recarga comum, tanto o Land Rover Discovery Sport quando o Range Rover Evoque precisam de uma hora e meia para recuperar 80% da carga total. A forma mais rápida é com uma tomada de recarga rápida de 32 kW, que reduz o tempo necessário para chegar a 80% da capacidade da bateria em 30 minutos.

Fonte: Land Rover