Tanto o Audi e-tron quanto o e-tron Sportback receberam melhorias técnicas e novos itens

  • Audi e-Tron e e-tron Sportback ficaram até 12% mais baratos nos Estados Unidos
  • e-tron amplia autonomia em 8,8% e vai a 357 quilômetros com uma carga 
  • e-tron ganha nova versão com visual exclusivo e pacote de assistência ao motorista

Recém lançado no Brasil, o Audi e-tron e o e-tron Sportback (que em breve será lançado por aqui) chegaram à linha 2021 com boas novidades para o mercado dos Estados Unidos. Os modelos totalmente elétricos da marca alemã agora contam uma nova versão, atualizações em termos de equipamentos e melhorias técnicas além de um preço de entrada mais baixo.

Em primeiro lugar, o destaque é que os dois modelos ficaram até US$ 9.000 (R$ 48.100), ou seja, até 12% mais baratos, o que deve ampliar consideravelmente as vendas:

  • O e-tron 2021 parte de US$ 65.900 (R$ 352.200) mais US$ 1.095 de frete, que na prática sai por US$ 59.495 / R$ 317.900 (após dedução de US$ 7.500 / R$ 40.080 em crédito de imposto federal).
    O e-tron de 2019 era oferecido por US$ 74.800 (R$ 399.780) e efetivamente por US$ 68.295 / R$ 365.020.
  • O e-tron Sportback 2021 parte de US$ 69.100 (R$ 369.320) mais US$ 1.095 de frete, que na prática sai por US$ 62.695 / R$ 336.530 (após dedução de US$ 7.500 / R$ 40.080 em crédito de imposto federal).
    A versão ano modelo 2020, lançada recentemente, custa US$ 77.400 (R$ 413.680) e efetivamente US$ 70.895 / R$ 378.910.

Galeria: Audi e-tron S

Essa queda substancial no preço significa que as vendas devem aumentar e, a propósito, a Audi abrirá espaço para apresentar as versões esportivas S de ambos os modelos a um preço mais alto.

Mais autonomia

A segunda mudança mais importante é o aumento da autonomia do SUV e-tron de 328 km para 357 km (EPA). Isso representa 29 km a mais (8,8%) que a versão ano modelo 2019.

A Audi explica que o carro ampliou a autonomia por meio de ajustes otimizados de hardware e software no sistema de condução. Por exemplo, o motor elétrico dianteiro pode ser totalmente desativado para poupar energia.

"À medida que a tecnologia avança, a linha e-tron viu suas melhorias mais significativas com a capacidade e a eficiência da bateria disponível. Para uma configuração mais eficiente, graças a várias otimizações, o motor elétrico dianteiro pode ser totalmente desativado, reduzindo drasticamente o consumo quando não é necessário. Somente quando o motorista exige mais potência ou tração, os dois motores entram em ação ..."

Galeria: Audi e-tron Sportback

Outro fator decisivo são os quase 3 kWh de energia adicional do pacote de 95 kWh (86,5 kWh efetivos no e-tron/e-tron Sportback) - representa um acréscimo de 3,6%. O buffer da bateria agora é de 8,5 kWh (ou quase 9% do total).

"... a quantidade utilizável da bateria de alta tensão aumentou para o modelo e-tron 2021. A bateria do Audi e-tron e do e-tron Sportback tem uma capacidade total de 95 kWh e agora oferece aos clientes acesso para um valor líquido de energia de 86,5 kWh - quase 3 kWh a mais que o modelo e-tron de 2019. O buffer de energia foi projetado para ajudar a garantir que os clientes desfrutem de desempenho sustentado da bateria durante toda a vida útil do veículo".

O e-tron Sportback 2021 mantém a autonomia de 351 km (EPA) como a versão do ano modelo 2020 lançada recentemente. Como o Sportback é mais aerodinâmico, acreditamos que ele terá alguma evolução mais adiante, pois deve ter autonomia maior do que a versão SUV.

Novo pacote

"Em resposta ao feedback do cliente, foram feitas melhorias em todas as categorias para modelos e-tron do ano 2021, para um portfólio mais acessível e bem embalado. Exclusivo para o e-tron SUV, além da nova versão de entrada Premium é o pacote Convenience Plus, com o pacote de assistência ao motorista e o kit de acabamento externo em preto, incluindo grade em preto fosca, acabamento do para-choque dianteiro e traseiro e no SUV e-tron, barras de teto também em preto fosco."

Audi e-tron no Brasil

Disponível desde abril no país, o modelo é oferecido por aqui em duas versões: Audi e-tron Performance (R$ 499.990) e Audi e-tron Performance Black (R$ 539.990), ambos com garantia de quatro anos para o veículo e de oito anos para a bateria. O segundo modelo da família e-tron por aqui será o Audi e-tron Sportback, que tem lançamento confirmado até o fim deste ano.