Versão híbrida é a única confirmada para o Brasil e chega em 2021.

Conforme antecipado no último teaser, divulgado na semana passada, a Porsche anuncia nesta quarta-feira (26) o lançamento da nova linha Porsche Panamera 2021. O esportivo alemão, disponível nas variantes Executive e Sport Turismo, chega com retoques no visual, mais potência na versão de topo Turbo S e também uma nova versão híbrida plug-in 4S E-Hybrid, que teve a autonomia ampliada no modo elétrico.

Em termos de visual, o Panamera 2021 passa a contar com pacote opcional Sport Design que deixa o estilo mais agressivo com entradas de ar frontais destacadas e amplas aberturas de ventilação laterais, bem como um conjunto de luzes dianteiras exclusivo. De um modo geral, a linha recebeu retoques no visual dianteiro em itens como para-choques, entradas de ar, nova assinatura de luzes e no caso do GTS, lanternas escurecidas. Três novas rodas de 20" e 21" completam a linha, que ao todo passa a contar com 10 opções. 

Galeria: Porsche Panamera (2021)

A Posche também diz que em todos os modelos da linha Panamera o chassi e os sistemas de controle foram reconfigurados para mais esportividade e conforto e, em alguns casos, totalmente modificados. O Porsche Active Suspension Management (PASM) revisado garante uma melhoria perceptível no conforto de amortecimento, enquanto o controle de estabilização eletromecânica Porsche Dynamic Chassis Control Sport (PDCC Sport) promete aprimorar a dinâmica. 

Panamera 4S E-Hybrid 

Híbrido plug-in voltado para o desempenho, o Panamera 4S E-Hybrid conta com um trem de força composto pelo motor 2.9 litros V6 de 440 cv associado a uma unidade elétrica de 100 kW (136 cv) associado a transmissão PDK de oito velocidades.

Com as melhorias aplicadas, agora a potência combinada é de 560 cv e o torque máximo de 76,4 kgfm - trata-se de um importante ganho em comparação com o anterior 4 E-Hybrid que entregava um total de 462 cv de potência e 71,4 kgfm de torque. 

Porsche Panamera 4S E-Hybrid (2021) - lateral em movimento

Equipado com o pacote Sport Chrono de série, a aceleração de 0 a 100 km/h agora é feita em 3,7 segundos (era 4,6 segundos no 4 E-Hybrid) enquanto a velocidade máxima é de 298 km/h, contra 278 km/h antes. 

A capacidade da bateria foi aumentada de 14,1 para 17,9 kWh por meio de células otimizadas em comparação com os modelos híbridos anteriores e os modos de condução foram otimizados para maior eficiência no uso de energia. Com as mudanças, a autonomia no modo totalmente elétrico de acordo com o padrão WLTP é até 54 km.

Equipamentos

Todos os Panamera são equipados com o Porsche Communication Management (PCM) que inclui o sistema de comando de voz Voice Pilot, monitor de sinais de trânsito, Apple CarPlay sem fio, entre outros serviços. Além disso, estão disponíveis sistemas de assistência ao condutor como alerta de saída de faixa, incluindo o reconhecimento de sinais de trânsito, controle de cruzeiro adaptativo, assistente de visão noturna, assistente de mudança de faixa, faróis de LED matriciais, assistente de estacionamento incluindo visão 360° e farol alto automático.

O novo Porsche Panamera 2021 já está disponível para encomendas na Europa e chegará às concessionárias em outubro. Na Alemanha, os preços começam em 91.345 euros (R$ 595.500) para o Panamera com tração traseira. Todos os outros modelos têm tração integral: o Panamera 4 está disponível a partir de 95.289 euros (R$ 621.200), o Panamera 4S E-Hybrid a partir de 126.841 euros (R$ 826.919), o Panamera GTS a partir de 136.933 euros (R$ 912.270) e o Panamera Turbo S a partir de 179.737 euros (R$ 1.171.760). 

No momento está confirmado para o Brasil apenas a versão Panamera 4S E-Hybrid com previsão de chegada início de 2021 com preço de R$ 649.000,00 que já inclui a instalação do carregador.