O Aspark Owl chega ao mercado e já está à venda nos Estados Unidos

Aspark Owl foi apresentado pela primeira vez há três anos no Salão Automóvel de Frankfurt. O desenvolvimento continuou nos dois anos seguintes antes de sua estreia oficial no final de 2019, prometendo aceleração alucinante e zero emissões, já que o hipercarro japonês é totalmente elétrico. No início desta semana, a empresa anunciou que o modelo agora está oficialmente à venda na América do Norte, juntamente com o anúncio de seu novo showroom em Osaka, Japão, agora aberto ao público.

A notícia vem logo após a empresa completar um período inicial de vendas diretas com seus principais distribuidores na Europa e América do Norte no início deste mês. Novos revendedores serão adicionados na Europa e no Oriente Médio nas próximas semanas. A Aspark planeja construir apenas 50 exemplares do hipercarro, com 20 alocados para a Europa e 20 para o Oriente Médio e Ásia, o que deixaria 10 para o mercado norte-americano.

Galeria: Aspark Owl

A empresa diz que o carro atingirá 96 quilômetros por hora em 1,72 segundos com uma velocidade máxima de 450 km/h. Da imobilidade até 300 km/h são necessários apenas 10,6 segundos. O Aspark usa uma bateria de íon-lítio de 64 kWh que supostamente oferece uma autonomia de 450 km. Os quatro motores elétricos produzem uma potência combinada de 2.005 cv (1.475 kW) e 203,9 kgfm de torque máximo. 

O Owl é um veículo bem desenhado com curvas dramáticas e vincos acentuados. Ele também tem uma baixa altura: apenas 99 centímetros. A Aspark usou plástico reforçado com fibra de carbono para ajudar a manter o peso baixo e aumentar a rigidez do carroceria. Por baixo da elegante carroceria está um monocoque de fibra de carbono. Amortecedores hidráulicos ajudam a deixar a distância ao solo em 160 mm. A 'coruja' tem um preço inicial de 2,9 milhões euros (R$ 18,9 milhões em uma conversão direta).