SUV elétrico está sendo produzido ao lado do Volkswagen ID.4 na fábrica de Zwickau, na Alemanha

Faltando poucas semanas para a estreia oficial, o Audi Q4 e-tron começa a ser produzido em série na fábrica de Zwickau, na Alemanha. O novo SUV elétrico da Audi será montado ao lado do Volkswagen ID.4, com o qual compartilha a plataforma dedicada MEB. 

Recentemente, a Volkswagen fez um anúncio de que deve abrir um terceiro turno de produção nesta fábrica a partir de abril para dar conta da demanda pelos modelos ID.3 e ID.4 no mercado europeu e norte-americano (ao menos no início, pois a partir de 2022 o ID.4 também será montado nos Estados Unidos). 

Galeria: Audi Q4 e-tron - produção

"Com o início da produção do Audi Q4 E-Tron, a fábrica da Volkswagen em Zwickau é agora uma fábrica multimarcas. Como resultado, estamos escrevendo mais um capítulo na longa história da indústria automotiva aqui na Saxônia", disse o presidente da diretoria executiva da Volkswagen Saxônia, Stefan Loth.

"Gostaria de agradecer a todos os funcionários da Audi que atualmente fabricam os veículos com a mais alta qualidade, no volume acordado e dentro do cronograma."

Outro destaque é que a fábrica de Zwickau, recém convertida para a mobilidade elétrica, deixa de produzir exclusivamente veículos para a Volkswagen e passa a acomodar a produção de carros elétricos da Audi. A meta do Grupo Volkswagen é que a unidade alcance a faixa de 500.000 carros elétricos produzidos por ano. 

O comunicado diz ainda que a produção é considerada neutra em carbono desde o início, com a fábrica suprindo suas necessidades de energia usando fontes renováveis. Quando o carro elétrico chega ao fim de seu ciclo de vida, a bateria é reciclada ou usada em conceitos de segunda vida. 

O conceito estava equipado com dois motores elétricos que entregam potência de 225 kW (306 cv) 46,9 kgfm de torque máximo - o traseiro tem 150 kW (204 cv) e 31,6 kgfm enquanto o dianteiro fornece até 75 kW (102 cv) e 15,3 kgfm. Equipado com a tração quattro nas quatro rodas, o Q4 e-tron pode acelerar de 0 a 100 km/h em 6,3 segundos e alcançar a velocidade máxima limitada eletronicamente em 180 km/h.

A alimentação vem da bateria de 82 kWh que fica alojada no assoalho e tem autonomia certificada em 450 km de acordo com o padrão WLTP. A Audi promete ainda que as versões com tração traseira terão certificação para rodar mais de 500 km com uma única carga, de acordo com o ciclo WLTP. 

Quando chegar ao mercado, o Audi Q4 e-tron será o carro elétrico mais barato da Audi. No mercado europeu ele deve encarar rivais como o Tesla Model Y, Ford Mustang Mach-E e o futuro Mercedes-Benz EQB.

Siga o InsideEVs Brasil no Twitter

Siga o InsideEVs Brasil no Facebook

Siga o InsideEVs Brasil no Instagram

Galeria: Protótipo e interior do Audi Q4 E-Tron