Marca diz que a paralisação será de apenas uma semana

Um problema no fornecimento de baterias está fazendo com que diversas fabricantes suspendam a produção de carros elétricos. Após Audi e Mercedes-Benz, chegou a vez da Jaguar anunciar que irá interromper temporariamente a montagem do I-Pace na Áustria por uma semana, já que a LG Chem, fornecedora de baterias, não consegue atender a demanda.

Jaguar I-PACE
Jaguar I-PACE

O motivo para esta falta de baterias não está muito claro. Sabemos que o surto de Coronavirus está afetando muito a China e os países vizinhos, só que nem a Jaguar Land Rover quanto a LG Chem dizem que esta é a razão. Mesmo que a montagem das baterias aconteça na fábrica da LG Chem na Polônia, os materiais e componentes podem vir da China.

Este problema de capacidade da LG Chem já apareceu em outras situações. Em 2017, o Hyundai Ioniq ficou abaixo da meta por falta de baterias. O mesmo aconteceu em abril, mas desta vez com o Audi e-tron, o que atrasou as entregas do carro na estreia - o que obrigou a marca a reduzir sua projeção de carros produzidos neste ano. A Mercedes-Benz também teria reduzido suas metas com o EQC, porém a fabricante nega a informação.

Vale lembrar que o Jaguar I-Pace ganhou o título de carro do ano em 2019 e vendeu 17.355 unidades globalmente no ano passado. Ele é o quarto veículo mais vendido da marca, atrás dos SUVs F-Pace e E-Pace, e o sedã médio XE.

Galeria: Jaguar I-Pace 2019