Segunda encarnação do A3 híbrido plug-in chegará aos EUA neste ano

A Audi está se preparando para o seu primeiro lançamento no mercado mundial em termos de eletrificação para a nova família A3. Uma das opções do trem de força será um híbrido plug-in e-tron.

O fabricante alemão já ofereceu uma versão híbrida plug-in - Audi A3 Sportback e-tron, originalmente lançada em 2014 e retirada de linha em 2018.

Com a próxima geração do A3 Sportback (hatchback) e do A3 Sedan, o híbrido plug-in retornará, embora neste momento ainda não saibamos o quanto a PHEV de segunda geração será aprimorado. A versão anterior era equipada com uma bateria de 8,8 kWh - suficiente para cerca de 25 km de autonomia no modelo totalmente elétrico (padrão EPA).

2020 Audi A3 (ICE)
Audi A3 Sedan (ICE)
2020 Audi A3 (ICE)
Audi A3 Sportback (ICE)

Na Europa, a Audi já aceita pedidos para ambos, Sedan e Sportback, já que as versões convencionais devem chegar às concessionárias em meados de 2020. Outros mercados seguirão o cronograma.

A versão híbrida plug-in também se prepara para chegar aos EUA ainda este ano, aguardada nas duas opções de carroceria. Ao longo de vários anos, a Audi vendeu mais de 10.000 unidades do Audi A3 Sportback e-tron no mercado norte-americano.

Brasil

Por aqui seguimos com a geração atual do Audi A3 Sedan, o único modelo da marca ainda em produção no país. Executivos da fabricante já sinalizam que ele deixará de ser feito aqui no final do ano. Dessa forma, a nova geração deve vir importada da Hungria da mesma forma que o Q3, mas somente no primeiro semestre de 2021, onde espera-se que versão híbrida plug-in venha na sequência, considerando os planos de eletrificação da marca.