A montadora de carros elétricos comprou a empresa alemã ATW

A empresa alemã ATW (Assembly & Test Europe GmbH), que recentemente caminhava para a falência, anunciou sua venda para "o líder no campo de veículos elétricos da Califórnia". O comunicado da empresa não revelou o nome do seu comprador, mas a imprensa europeia, citando fontes da indústria, afirma que é, sem dúvida, a Tesla.

Sediada na parte ocidental da Alemanha, a ATW, uma subsidiária da Canadian ATS Automation Tooling Systems, se ocupa principalmente do projeto e produção de linhas de montagem para fábricas automotivas. É uma empresa relativamente pequena, com 211 funcionários, mas tem clientes muito importantes. 

Galeria: Tesla - fábrica Fremont

A empresa é conhecida como fornecedora de equipamentos para montagem de transmissões para transportadores Magna. E também como fabricante das mais recentes linhas de montagem de baterias para Mercedes e BMW. A ATW vem apresentando altos lucros há muito tempo, mas devido ao coronavírus e às paralisações obrigatórias, a empresa enfrentou grandes dificuldades financeiras e se preparava para demitir seus funcionários.

Esta é a segunda aquisição desse tipo para a Tesla na Alemanha. Em 2017, a empresa de Elon Musk comprou a Grohmann Engineering GmbH, também especializada no desenvolvimento de equipamentos de produção automática.

A compra parece benéfica para ambas as partes. Esta é uma oportunidade para a ATW sobreviver. E para a Tesla, uma chance de melhorar um processo de fabricação que é bem complexo. Anteriormente, escrevemos que, ao lançar o Model 3 com produção em massa, a empresa californiana enfrentou justamente as dificuldades de automatizar a montagem de baterias. Foram os especialistas da Grohmann Engineering GmbH que ajudaram a resolver este problema, mas é óbvio que ainda há espaço para melhorias nesta área.

Galeria: Tesla Model 3 2018