Marca francesa irá aproveitar os recursos para investir em tecnologia e novos motores elétricos

A Renault anunciou que não irá mais desenvolver novos motores a diesel. Desde que o escândalo do Dieselgate da Volkswagen explodiu, alguns anos atrás, o diesel tem sido um palavrão. Esse tipo de combustível pode não ser muito popular por aqui por conta da proibição fora do segmento de veículos utilitários e pesados, mas até pouco tempo era um grande sucesso na Europa

A verdade é que um motor diesel geralmente tem emissões de CO2 mais baixas do que um motor a gasolina correspondente. E com os mais recentes padrões de emissões Euro 6 no Velho Continente, as emissões de NOx são quase iguais entre os dois - 0,06 gramas por quilômetro para motores a gasolina e 0,08 g/km para motores diesel. No entanto, pode ser tarde demais para salvar o motor diesel.

Galeria: Renault R5 Prototype

Muitos fabricantes estão abandonando o motor a diesel e canalizando os recursos de P&D para criar novos motores elétricos. A mais recente a se juntar à Lexus, Mitsubishi, Nissan, Volvo e muitas outras empresas foi a Renault com seu plano estratégico Renaulution, rumo à mobilidade elétrica.  

A montadora francesa, por meio de seu CEO Luca de Meo, confirmou que não irá mais investir dinheiro no desenvolvimento de motores a diesel de nova geração. No entanto, o alto escalão da montadora revelou que as unidades dCi existentes serão adaptadas para atender aos padrões de emissões mais rígidos por algum tempo. 

Resta saber se isso significa que os motores diesel da Renault não existirão mais na era do Euro 7. No entanto, vendo como a demanda por carros híbridos e elétricos na Europa supera o diesel, não ficaremos surpresos se os Renaults a diesel desaparecerem do mercado em 2025.

Podemos afirmar que a Renault já abandonou o motor diesel em grande parte. Alguns dos modelos da marca não estão mais disponíveis com motor de ignição por compressão e muitos dos próximos modelos perderão as opções de diesel de seus antecessores. Até mesmo a Dacia, a marca de baixo custo da Renault, mudou para uma gama sem diesel em sua última geração de carros na Europa.

Siga o InsideEVs Brasil no Twitter

Siga o InsideEVs Brasil no Facebook

Siga o InsideEVs Brasil no Instagram

Galeria: Renault Mégane eVision