Com o novo centro, a marca norte-americana quer mergulhar em projetos de veículos elétricos e autônomos na China

A GM anunciou a abertura do seu novo Centro de Design Avançado na China, que passou por uma grande ampliação e modernização, o que lhe permitirá dobrar a capacidade de desenvolver novos projetos no local.

Quanto ao principal motivo da expansão, a empresa norte-americana menciona um esforço contínuo para acelerar o desenvolvimento de veículos elétricos a bateria. Esta instalação será a chave da GM para desenvolver novos veículos totalmente elétricos e autônomos na China.

Galeria: GM China - Centro de Design Avançado

"Com um espaço criativo mais flexível, bem como tecnologias avançadas, processos e equipamentos especializados, a equipe se concentrará em antecipar projetos futuros de veículos elétricos, veículos autônomos e muito mais, inspirando-se na China - o maior mercado de veículos de energia do mundo - e mantendo administração das fronteiras do design."

De acordo com a agência internacional Reuters, o novo centro de desenvolvimento e não projetará mais veículos movidos a gasolina. Os carros convencionais serão gradualmente removidos da programação até o ano de 2035.

O tamanho do estúdio quase dobrou para 5.000 m2 de área total e foi equipado com as mais recentes ferramentas e soluções para desenvolver um novo produto atraente para os tempos atuais. 

Só o tempo dirá o quão bem sucedida será a execução do plano de eletrificação da GM no país. Em 2019, as joint ventures da GM (50/50 SAIC-GM) e SAIC-GM-Wuling (joint venture entre SAIC, GM e Liuzhou Wuling Motors) venderam cerca de 50.000 veículos elétricos. Em 2020, esse número aumentou para cerca de 170.000, graças aos carros elétricos mais básicos e acessíveis.

Até o momento, a empresa ainda não está vendendo carros elétricos de grande porte em grande volume (existem alguns veículos elétricos no mercado, mas muito abaixo dos líderes de mercado), o que provavelmente mudará quando a plataforma Ultium estiver totalmente disponível. 

Siga o InsideEVs Brasil no Twitter

Siga o InsideEVs Brasil no Facebook

Siga o InsideEVs Brasil no Instagram