O designer David Obendorfer reinterpretou o Elektro-Antrieb de 1972 em uma roupagem moderna

  • Designer recria o clássico BMW 1602e em um conceito moderno com ares retrô
  • Modelo é apenas um exercício de design e não conta com a colaboração da BMW

O que um designer faz em seu tempo livre? Geralmente desenha. Não é uma piada, e na verdade acontece com mais frequência do que você pensa. E, geralmente, ele se dedica a projetos que têm pouco a ver com seu trabalho diário.  

Esse também é o caso de David Obendorfer, que trabalha há 12 anos na equipe da Officina Italiana Design de Mauro Micheli e Sergio Beretta, para projetar barcos em grande estilo produzidos pelos estaleiros Riva e Sanlorenzo, mas com a paixão de reinterpretar os carros do passado de maneira moderna.

Galeria: BMW 02 Reminiscence Concept

Seu trabalho mais recente é uma reinterpretação de um conceito BMW de 1972: o 1602 Elektro-Antrieb. Este é o primeiro veículo elétrico produzido pela montadora, criado na base de um 1602.

Na prática é um ancestral do BMW i3, que permanecerá em produção muito mais tempo do que o inicialmente estimado. O carro-conceito possui baterias de 12,6 kWh (e 350 kg de peso) que alimentam um motor elétrico de 43 cv e garantem uma autonomia de cerca de 30 km (alguém se aventurou a chegar a 60 km).

O esquema mecânico sem precedentes é interessante, com um motor elétrico nas rodas dianteiras e traseiras, uma solução que não está mais em uso, pois é preferível colocar o motor próximo ao eixo destinado a transmitir o movimento.

BMW 1602e concept - 6
Este é o BMW 1602e concept "original" de 1972

O novo conceito assinado por Obendorfer, chamado BMW 02 Reminiscence, incorpora as formas de cupê, o estilo e também a cor daquele veículo de zero emissão baseado no 1602 de quase cinquenta anos atrás, apresentada por ocasião dos Jogos Olímpicos de 1972 em Munique, que acabaram manchados por um ataque terrorista que permanece na memória de todos.

O 02 Reminiscence, no momento, continua sendo um exercício de estilo. Ele não viu o envolvimento da BMW em nenhum nível e certamente não se encaixa nos planos da marca. No entanto, dado que o resultado é fascinante e sonhar não custa nada, também é preciso admitir que ver esse modelo na gama, talvez em alguns anos, não seria o fim do mundo. De fato, entre um iX3, cujas formas já foram completamente reveladas, e um i4, pronto para desafiar a Tesla com seus 600 km de autonomia, não cairia mal um Série 2 de emissão zero com um ar retrô. 

Em resumo, muitos gostariam de ver um desses projetos ir além do estágio de protótipo e realmente entrar em produção, talvez em uma variante elétrica capaz de trazer a herança histórica de Munique para o futuro. E aí, que tal?

Galeria: BMW 1602e concept