Si Hao E40X estreia na China com autonomia de 502 km

  • SUV elétrico é um dos primeiros modelos da submarca Si Hao criada pela JAC-Volkswagen
  • Modelo adota a nova linguagem de design da JAC chamada de 'JAC 3.0'
  • Bateria de 66 kWh garante autonomia de 502 km com uma carga

Algum tempo após a Volkswagen ampliar a parceria e comprar 50% da chinesa JAC, os primeiros frutos dessa união começam a surgir. E o Salão do Automóvel de Chengdu, aberto nesta sexta-feira (24), terá muitas novidades, entre eles o "novo" SUV elétrico E40X baseado em um modelo já existente da JAC, mas agora com o emblema da nova submarca batizada de Si Hao

O novo SUV exposto no estande da JAC-Volkswagen é praticamente uma cópia do JAC Jiayue X4 e também adotou a nova linguagem de design da família, oficialmente descrita pela marca como "o design global da era do carro de passageiros JAC 3.0". Na dianteira, a marca registrada é a grade frontal cromada que se integra aos faróis nas extremidades e passa um ar de modernidade. O conjunto ótico dividido também conta com LEDs.

Galeria: Si Hao E40X

Visto de lado o Si Hao E40X lembra um pouco o Nissan Kicks, apesar do porte maior, com linha de cintura ascendente e coluna B "oculta" para criar o efeito de teto suspenso. Na traseira, as lanternas são interligadas e têm um design exclusivo com três pontas. Além disso, a tampa traseira ostenta o emblema "E40X" para se diferenciar do JAC. O SUV elétrico mede 4.410 mm de comprimento e possui 2.620 mm de distância entre-eixos.

O interior é mais sóbrio ao adotar acabamento em tom escuro, mas se destaca pelos elementos cromados. O console central tem aparência relativamente simples e a grande tela da central multimídia fica suspensa. O quadro de instrumentos digital e botão seletor de marchas ajudam a dar um aspecto mais contemporâneo ao SUV elétrico.

Em termos de trem de força, o novo modelo usará um motor elétrico síncrono de ímã permanente com uma potência máxima de 110 kW (150 cv). Acelera de 0 a 100 km/h em 9,7 segundos e pode atingir a velocidade máxima de 150 km/h. A bateria de íons de lítio 66 kWh garante autonomia de 502 km pelo padrão mais otimista NEDC.