A John Cooper Works poderia representar algo bem diferente dentro do mundo MINI

Quando falamos no nome John Cooper Works (JCW) logo vêm à mente os modelos MINI mais quentes e rápidos, mas tudo indica que esse nome ganhará um novo significado em um futuro próximo. De acordo com uma matéria recente, a montadora de propriedade da BMW vai mudar o foco da marca JCW para o lado da eletrificação.

Ainda será uma designação de alto desempenho, mas a AutoExpress relata que não a JCW não somente representará a eletrificação, mas se tornará sua própria submarca que poderá até ter seus modelos exclusivos. A fonte britânica cita o chefe da MINI, Bernd Körber, dizendo:

'A próxima fase de nosso portfólio também é sobre a próxima geração da John Cooper Works. A percepção, eu diria, quando você olha para a John Cooper Works, não é a percepção de uma submarca totalmente desenvolvida. Muitas vezes as pessoas o percebem como nosso modelo ou modelo de desempenho. O que gostaríamos de fazer é tornar a John Cooper Works uma verdadeira marca de desempenho elétrico.'

Aparentemente, não haverá nenhum modelo JCW dedicado antes de 2024, mas o plano aparentemente é fazer um hatchback de três portas, um crossover elétrico compacto e uma variante maior do Countryman. Não está claro se esses modelos serão híbridos ou totalmente elétricos, mas o que é certo é que eles serão versões reprojetadas de modelos MINI existentes.

Atualmente, apenas cerca de 5% de todos os MINIs vendidos são modelos JCW e, ao torná-la uma submarca independente, a empresa pretende torná-lo mais visível e atraente para os compradores; o objetivo é vender mais carros da marca JCW e os executivos da empresa acreditam que adicionar a eletrificação ao mix, junto com seu foco no desempenho, ajudará nas vendas.

Galeria: MINI Electric (MINI Cooper SE)