NIO e Xpeng tiveram crescimento nas vendas de 353 e 470% ao ano, respectivamente

Consideradas umas das mais promissoras startups de carros elétricos da China, inclusive figurando entre as 10 maiores montadoras globais em termos de valor de mercado, tanto a NIO quanto a Xpeng divulgaram seus resultados de vendas em janeiro de 2021. E os números impressionam: trata-se de um crescimento de 353 e 470% na comparação com o mesmo período do anterior.  

NIO

Com três modelos à venda no mercado chinês, a NIO anunciou 7.225 emplacamentos em janeiro, um aumento de 353% na comparação ano a ano, o que representa um recorde de vendas pelo sexto mês consecutivo. O modelo mais vendido foi o EC6, com 2.845 unidades no período, seguido pelo ES6 (2.720) e por último o SUV grande ES8 (1.660). 

vendas NIO

Xpeng

Já a Xpeng Motors, pela primeira vez superou a marca de 6.000 emplacamentos mensais em um mês. Foram 6.015 unidades vendidos no período, o que representa um crescimento de 470% na comparação ano a ano, ou seja, mais do que quintuplicou suas vendas em 1 ano. O mais vendido foi o sedã elétrico P7 (3.710), seguido pelo novato SUV G3 (que acabou de chegar à Europa) com 2.305 exemplares vendidos. 

xpeng-vendas

Temos acompanhado de perto essa evolução das montadoras chinesas de carros elétricos e vale lembrar que algumas delas ficaram pelo caminho ou passaram por dificuldades, mas a Xpeng Motors e a NIO se sobressaíram e prometem continuar surpreendendo com seu crescimento apoiado em sólidos investimentos e um mercado ávido por novidades.

Galeria: Xpeng P7

Em que pese o número total de emplacamentos ainda ser baixo se comparado com as grandes montadoras, os números chamam a atenção pelas altíssimas taxas de crescimento, que aparentemente não perderão fôlego tão cedo, podendo colocar essas empresas em posição de destaque no mercado em questão de poucos anos.  

Fonte: FCO

Galeria: NIO EC6 - Chengdu Auto Show