Por conta das atualizações, o preço teve um leve reajuste; hatch elétrico terá mais novidades até o fim do ano

O elétrico Volkswagen ID.3 passou por uma nova atualização e agora tem carregamento mais rápido nas versões de entrada equipadas com baterias de menor capacidade (45 e 58 kWh). 

O configurador da Volkswagen agora indica 120 kW de potência de carregamento com corrente contínua para a versão de bateria média (58 kWh), contra 100 kW anteriormente. A bateria menor (45 kWh) ainda pode ser carregada com apenas 50 kW de série, mas 110 kW (em vez de 100 kW) está disponível como opcional, de acordo com o que foi apurado pela Nextmove.

Galeria: VW inicia a produção do ID.3 em Dresden

Na versão com bateria média, o Volkswagen ID.3 teve o tempo de carregamento reduzido em três minutos, de 38 para 35 minutos (no caso da recarga de 5 a 80 por cento). Já a versão de 77 kWh não alterou a potência máxima de carregamento; mantém 125 kW. Aqui, porém, há rumores de aumento para 170 kW no final do ano. 

Mas como não existe almoço grátis, a versão básica do ID.3 ficou um pouco mais cara. O ID.3 Pure com bateria de 45 kWh e potência de 110 kW estava anteriormente disponível a partir de 31.495 euros e agora passa a custar 31.960 euros (R$ 208.020), ou seja, mais 465 euros (R$ 3.026).

Além disso, a Volkswagen agora tornou o configurador ID.3 um pouco mais intuitivo para os europeus. Em vez de ter que escolher entre nove versões, agora é possível optar por quatro variantes, tamanho da bateria e, no caso do Pro S, o número de assentos:

  • Pure com 45 kWh: a partir de 31.960 euros
  • Pro com 58 kWh: a partir de 35.460 euros
  • Pro S (quatro lugares) com 77 kWh: a partir de 42.460 euros
  • Pro S (cinco lugares) com 77 kWh: a partir de 42.620 euros

Quanto às cores, percebe-se que agora existe uma nova opção de pintura externa em vermelho. Caso contrário, apenas o já conhecido turquesa é colorido no sentido mais restrito - o resto são tons de branco, cinza, preto ou prata.

Após escolhidos os pacotes de equipamentos, resta a escolha por alguns opcionais (ao menos para o ID.3 Pro), incluindo a bomba de calor por 1.275 euros e um cabo de alimentação para a tomada doméstica. 

Siga o InsideEVs Brasil no Twitter

Siga o InsideEVs Brasil no Facebook

Siga o InsideEVs Brasil no Instagram

Galeria: Volkswagen ID.3 1ST (2020)