Marca alemã reativa fábrica dedicada a carros elétricos em Zwickau, onde também será produzido o ID.4

Assim como outras grandes montadoras, a Volkswagen se prepara para voltar à ativa na Europa. Paralisada por conta do coronavírus, a produção da fábrica em Zwickau, na Alemanha, vai retomar as operações a partir do dia 20 de abril. 

A unidade é responsável pela produção do Volkswagen ID.3, um modelo estratégico que representa uma nova era para a marca alemã - é o carro chefe da sua nova geração de veículos elétricos. Construído sobre a nova base MEB, a mesma que servirá a modelos como o futuro SUV elétrico ID.4, o promissor hatch elétrico tem produção programada para 30.000 unidades neste ano primeiro ano de vida. O objetivo é alcançar a marca de 330.000 carros montados por ano em Zwickau.

Zero emissões

O polo de Zwickau não se destaca apenas por sua conversão total, mas também pelo objetivo de entregar um carro produzido com emissões que alteram o clima neutras. Para a produção do ID.3, isso significa, na prática, otimizar ao máximo as emissões de CO2 na cadeia de suprimentos e na fase de produção real.

Galeria: VW ID.3 - produção em Zwickau

Na prática, isso que dizer que a Volkswagen já fechou acordo com os fornecedores que a produção de baterias terá que usar eletricidade de fontes renováveis, sendo que desde 2017 vem sendo usada somente energia de usinas hidrelétricas. 

Galeria: VW ID.3 - produção em Zwickau