Marca norte-americana vai investir US$ 20 bilhões no país asiático até 2025.

  • GM irá investir mais de US$ 20 bilhões em eletrificação e carros autônomos na China até 2025
  • Objetivo é alcançar a marca de 40% de lançamentos eletrificados em cinco anos

A General Motors anunciou nesta semana o seu projeto e cronograma de tecnologia para eletrificação, direção inteligente e conectividade na China, o maior mercado global que é responsável por quase um quinto de seus lucros.

Em uma exibição especial no PATAC Design Dome em Xangai, a empresa destacou sua nova plataforma elétrica global, o sistema de bateria Ultium e os carros elétricos de próxima geração que serão lançados no país asiático.

Galeria: Cadillac Lyriq

A GM pretende investir mais de US$ 20 bilhões em veículos elétricos e autônomos até 2025. No caso específico da eletrificação, mais de 40% dos novos lançamentos da GM na China nos próximos cinco anos (em 2025) serão modelos eletrificados (híbridos plug-in e elétricos).

Curiosamente, os novos plug-ins serão produzidos localmente, incluindo todos os mais recentes sistemas de bateria Ultium e plataformas elétricas globais.

"Eles serão todos fabricados na China, com quase todas as peças provenientes de fornecedores locais. O sistema de bateria Ultium de última geração e a plataforma elétrica global de terceira geração integrarão a flexibilidade de engenharia da GM, os avanços tecnológicos com fabricação altamente localizada e cadeia de suprimentos na China para melhorar a qualidade e competitividade de custos."

Espera-se que o próximo Cadillac Lyriq seja lançado na China - talvez até antes do lançamento nos Estados Unidos - já que seu design é provavelmente mais voltado para o mercado asiático do que para o mercado norte-americano.

A marca Cadillac em si irá "renovar" significativamente sua linha, enquanto a GM se concentrará mais em SUVs e elétricos básicos de baixo custo (como o Hong Guang MINI EV ou elétricos da marca Baojun). Ambas as marcas Cadillac e Buick serão fortemente eletrificadas na China:

"Este mercado está se eletrificando rapidamente. A Cadillac está a caminho de uma eletrificação muito pesada. A Buick também vai eletrificar fortemente."

Disse Blissett, acrescentando que as marcas chinesas da GM Baojun e Wuling também seguiriam a caminho da eletricidade. 

Fontes: GMReuters

Galeria: Buick Velite 7 - Chegdu Auto Show