A marca de Wolfsburg mostra as capacidades de reboque do SUV elétrico que será revelado em 24/9.

Qual será a aparência final do Volkswagen ID.4? Revelado na versão chinesa há alguns meses, durante a fase de pré-produção, o utilitário elétrico ainda não havia sido mostrado em seu visual definitivo para os mercados ocidentais. Pelo menos não de forma oficial. 

Agora, porém, a marca alemã divulga um vídeo em que o SUV elétrico aparece com uma camuflagem mínima em ações que mostram as capacidades de reboque do utilitário. O vídeo faz parte de uma estratégia de comunicação que envolve a divulgação de vários teasers, inclusive com a revelação do interior na semana passada. 

Galeria: Volkswagen ID.4 - camuflado

Trailer de gravação

A apresentação oficial do ID.4 será no dia 24 de setembro. A partir de hoje, porém, também se sabe que o segundo modelo da família elétrica tem capacidade de reboque de até 1.900 kg. Um valor considerável, resultado do fato de que o carro, em algumas versões, também poderá contar com tração nas quatro rodas e terá potências superiores a 200 cv.

No vídeo, fica claro que o veículo usado para a gravação é um protótipo, mas em uma inspeção mais apurada parece com o que pode ser a versão final do ID.4 padrão com uma leve camuflagem (da mesma cor que a carroceria) aplicada para a dianteira e cobrindo parcialmente os faróis e na coluna D.

Volkswagen ID.4 protótipo camuflado - reboque

Sobre Tesla-Volkswagen

Vamos voltar a esse assunto por um momento. A visita de Elon Musk ao número um da Volkswagen parecia mais do que apenas uma simples cortesia. Alguns falam de um movimento de comunicação inteligente da empresa alemã, que explorou a notoriedade do fundador da Tesla em um momento crucial para a empresa, dada a comercialização do ID.3 e a iminente revelação do ID.4.

Outros estão certos de que este é o prelúdio para uma futura colaboração entre os dois gigantes automotivos, seja em baterias, software ou, como alguns chegaram a dizer, na exploração da plataforma MEB para o futuro Tesla 2 (o compacto fabricado na China, que também poderia ser produzido na Gigafactory de Berlim). Uma hipótese bem improvável, já que o carro poderia minar o ID.3 de Wolfsburg.

E Diess testa um Tesla Model Y

Os rumores surgem da frase do próprio Diess, de que "Estamos prontos para decolar", que sugeria uma possível parceria entre a empresa alemã e a norte-americana. O CEO da Volkswagen, no entanto, foi rápido em negar. 

Além de afirmar que a Tesla e a Volkswagen não estão considerando uma possível parceria, ele queria mostrar uma imagem em que testa um Tesla Model Y. Ao seu lado, porém, não está Elon Musk, mas um colega. Mas a curiosidade permanece: o que está por trás de todos esses lances entre Tesla e Volkswagen?