Montadora sueca segue o movimento já adotado por muitos fabricantes

Sem surpresas, a Volvo anunciou que reduzirá o número de sedãs, peruas e hatchbacks mais tradicionais em um futuro próximo, para se concentrar em ter mais SUVs e crossovers em sua gama. Isso, junto com o compromisso de eletrificar toda a sua linha na próxima década, são os dois pilares sobre os quais a marca sueca deseja que seu futuro se assente.

De acordo com o CEO da Volvo, Håkan Samuelsson,

Tradicionalmente, temos sedãs, peruas e SUVs. Agora vendemos cerca de 75% de SUVs, o que significa que precisamos de mais SUVs. Temos o C40 Recharge, e estamos planejando um SUV menor abaixo da série 40. Precisamos de menos variantes de sedãs e peruas; temos muitas peruas hoje, com o V60, V90, Cross Country, não Cross County, e muitos sedãs grandes e pequenos, longos e extra-longos. Precisamos mudar de peruas e carros; ainda os teremos no futuro, mas provavelmente não tantos. Precisamos de mais tipos de SUV de veículos elétricos superiores. Essa é a maneira de trabalhar agora e o que temos em nossa diretriz de desenvolvimento.

Galeria: Volvo C40 Recharge

SUVs compactos agora estão na moda e a montadora de propriedade da Geely está trabalhando em um novo carro compacto para ficar abaixo dos modelos C40 e XC40. Este novo modelo poderia ser chamado de C20 / XC20, e será construído na plataforma SEA de sua empresa-mãe chinesa - esta arquitetura de chassi permite veículos de todos os tamanhos, tração nas quatro rodas e espaço suficiente para acomodar uma grande bateria que dará ao veículo longo alcance.

Revelado há poucos dias, o SUV-cupê elétrico C40 sinaliza a direção em que o fabricante está tomando. A próxima geração do XC90 será construída na mesma arquitetura SEA e também terá uma versão totalmente elétrica. E uma vez que a Volvo não está se esquivando de fazer SUVs semelhantes a cupês, não há razão para que o próximo XC90 não pudesse gerar um C90 mais arrojado com um teto estilo fastback.

Siga o InsideEVs Brasil no Twitter

Siga o InsideEVs Brasil no Facebook

Siga o InsideEVs Brasil no Instagram