Modelo foi lançado na China como Fukang EV30 e pode rodar 300 km com uma carga

  • Fukang EV30 é um clone do Citroën C-Elysée e está sendo lançado na China
  • Sedã elétrico tem autonomia de até 300 quilômetros (NEDC)

Embora nunca tenha sido confirmado oficialmente para o Brasil, o Citroën C-Elysée despertou muita expectativa por aqui na época do lançamento, em 2013. O sedã compacto usa a mesma receita do Renault Logan e seguiu sua trajetória em alguns mercados emergentes. Agora, a Dongfeng, parceira chinesa da PSA, anuncia o lançamento de uma inédita versão elétrica do modelo.

Batizado de Fukang EV30 (uma marca especializada em veículos de baixo custo), o sedã elétrico está sendo lançado na China tendo como público alvo frotas de táxis e veículos de testes de auto escolas. 

Galeria: Fukang EV30 (Citroën C-Elysée) elétrico

Em termos de visual externo, o Fukang EV30 é um praticamente um clone do sedã da marca francesa, se diferenciando apenas pelos logotipos e detalhes como o design da grade frontal e do para-choque dianteiro. No interior a situação se repete: até o volante é igual, ficando as diferenças por conta do quadro de instrumentos com os indicadores do sistema de propulsão elétrica.

Citroen C-Elysée 2017 - lateral
O Citroën C-Elysée 2017 "original"

O sedã é impulsionado por um motor elétrico de 82 cv de potência e 22,4 kgfm de torque, alimentado por uma bateria com capacidade de 30,7 kWh, que garante uma autonomia de 300 quilômetros no ciclo NEDC. Foi relatado que haverá outras opções de baterias com autonomia entre 250 km e 450 km.

O novo Fukang EV30 começará a ser vendido na China com preço inicial equivalente a 17.000 euros (R$ 106,6 mil) segundo a imprensa local. A marca, que pertence a Dongfeng, não tem intenção de vender o modelo em outros mercados, pelo menos inicialmente.

Fonte: Autodato

Galeria: Citroen C-Elysée 2017