Parceria está desenvolvendo uma solução digital para tornar o uso de veículos elétricos o mais eficiente possível

Ainda não tem nome, mas já tem um objetivo ambicioso e preciso: revolucionar o mundo dos transportes com pegada verde através de uma gestão cada vez mais pontual das frotas de veículos elétricos, da recarga à manutenção. 

Do que se trata? Da plataforma que vai nascer da colaboração anunciada entre dois gigantes: ABB e Amazon (especificamente Amazon Web Services). Será baseado na nuvem e será lançada no segundo semestre deste ano. 

Galeria: Van elétrica Amazon da Rivian

A plataforma irá adquirir todas as informações relativas aos veículos elétricos de uma frota. Desta forma, será possível monitorar os veículos e planejar da forma mais eficiente - entre outras coisas - também o carregamento. Esta nova tecnologia também ajudará a escolher os trajetos a seguir em função da hora do dia e das condições meteorológicas, com vista a otimizar ao máximo todas as operações. 

As duas empresas prometem, portanto, uma "experiência do usuário sob medida", conforme afirma o comunicado à imprensa. De fato, a plataforma irá intervir "desde o ponto de carregamento até chegar ao painel de dados de toda a frota de automóveis" e "irá tornar a gestão da frota de veículos elétricos mais eficiente e maximizar a fiabilidade"

Rumo à transição

"Esta nova solução revolucionará o mundo da mobilidade elétrica integrando hardware e software de veículos elétricos em um único ecossistema", disse Frank Muehlon, presidente da divisão de eMobility da ABB. De acordo com Muehlon, a plataforma poderia de fato "promover o uso da frota de veículos elétricos, dando aos operadores a confiança para fazer essa troca"

As mesmas ambições são nutridas por Jon Allen, diretor do setor automotivo da Amazon Web Services. "Juntas, a ABB e a AWS trarão conhecimento habilitado para nuvem, agilidade e escalabilidade para a indústria de veículos elétricos e ajudarão nossos clientes a fazerem a transição com sucesso para um futuro de baixo carbono."

Siga o InsideEVs Brasil no Twitter

Siga o InsideEVs Brasil no Facebook

Siga o InsideEVs Brasil no Instagram