NIO bate recorde e emplaca mais de 10 mil veículos elétricos no trimestre

  • Empresa chinesa quer ganhar mercado e no futuro competir com os grandes, como a Tesla
  • EC6, o terceiro veículo elétrico da marca, chega no segundo semestre
  • Vendas quase triplicaram na comparação com o ano passado

Enquanto prepara o lançamento do seu terceiro veículo elétrico, o SUV EC6, a startup chinesa NIO comemora novos recordes de vendas na China. Apesar do cenário desfavorável por conta da pandemia, a empresa que ainda é novata no mercado conseguiu fechar o seu melhor trimestre desde o início das atividades.

Falando de números, a NIO entregou 3.740 unidades em junho, um crescimento de 179% em relação ao mesmo período de 2019. No segundo trimestre a empresa alcançou a marca de 10.331 veículos, um aumento de 169% em relação ao primeiro trimestre do ano e 190% se comparado ao mesmo período do ano passado. 

Galeria: NIO ES8

Vendas em junho por modelo:

  • ES6: 2.476 (aumento de 500% em relação ao ano anterior)
  • ES8: 1.264 (aumento de 36% em relação ao ano anterior)
  • Total: 3.740 - novo recorde (aumento de 179% em relação ao ano anterior)

Vendas no acumulado do ano:

  • ES6: 11.711 (aumento de 2.700%)
  • ES8: 2.458 (queda de 66% em relação ao ano anterior)
  • Total: 14.169 (aumento de 87% em relação ao ano anterior)

Graças a um acordo de cooperação, que é comum na China, uma vez que poucas empresas têm licença para produzir seus próprios veículos, a NIO tem seus carros montados na linha de produção em Hefei, na fábrica da Jianghuai Automotive Corporation (JAC).  

Além destes bons resultados, a NIO vai dar mais um passo com o lançamento do promissor EC6, um SUV elétrico com porte, estilo e proposta para encarar diretamente o Tesla Model Y. O modelo tem estreia prevista para o segundo semestre deste ano e há rumores de que ele chegue à Europa em 2021.

Galeria: NIO ES6