O fornecimento de energia 100% renovável para suas instalações deve ser alcançado cinco anos antes

Longe do Brasil desde o final do ano passado (80% da operação da rede no país foi comprada por um Fundo de Investimentos que decidiu não usar mais a marca norte-americana), o Walmart divulgou seus planos de eletrificação. A maior rede varejista do mundo anunciou que até 2040 substituirá gradualmente sua frota de veículos convencionais por veículos com emissão zero (globalmente).

Esse processo de mudança incluirá veículos menores, bem como caminhões para percursos de longa distância (provavelmente a hidrogênio). Lembramos que há cerca de dois anos a empresa encomendou 40 unidades do caminhão elétrico Tesla Semi. Esses podem não ser os únicos veículos elétricos que o Walmart está esperando.

imagem_externa

Mesmo antes de se converter à mobilidade elétrica, o Walmart também é um importante parceiro da rede de carregamento rápido Electrify America nos Estados Unidos, atuando como host para 120 estações de recarga para veículos elétricos. 

O segundo objetivo da empresa de varejo é migrar todas as suas instalações para energia 100% renovável até 2035.

"Queremos desempenhar um papel importante na transformação das cadeias de abastecimento do mundo para que sejam regenerativas. Enfrentamos uma crise crescente de mudança climática e perda da natureza, e todos precisamos agir com urgência. Há 15 anos, temos uma parceria para fazer o trabalho e o aumento contínuo de nossas ambições de sustentabilidade em ações climáticas, natureza, resíduos e pessoas. Os compromissos que estamos assumindo hoje não visam apenas descarbonizar as operações globais do Walmart, mas também nos colocam no caminho para nos tornarmos uma empresa regenerativa - que funciona para restaurar, renovar e reabastecer, além de preservar nosso planeta, e incentiva outros a fazerem o mesmo."

Walmart - conceito avançado de caminhão elétrico

Vários anos atrás, a empresa revelou um interessante conceito único de trator-reboque híbrido de série estendida - Walmart Advanced Vehicle Experience (WAVE). No entanto, com os veículos elétricos de hoje, não parece mais tão futurista.

O veículo em questão era equipado com uma bateria de 45,5 kWh para manobras no pátio ou para dirigir na cidade em curtas distâncias (desde que o estado de carga da bateria seja superior a 50%).