Os primeiros acidentes relatados envolveram motoristas de 19 e 89 anos de idade

As entregas do Volkswagen ID.3 começaram em 11 de setembro e os primeiros acidentes relatados demoraram apenas algumas semanas para acontecer. Curiosamente, ambos os acidentes ocorreram durante test drives. Um envolveu um motorista de 89 anos e outro foi causado por um rapaz de 19 anos.

Isso nos dá uma ideia de quão amplo pode ser o público do hatchback elétrico, mas há um porém nos casos relatados aqui. Enquanto o idoso tentava dirigi-lo, o adolescente bateu na traseira de um ID.3 dirigido por um homem de 53 anos.

Galeria: Volkswagen ID.3 - acidentes

Ambos os acidentes aconteceram na Alemanha, sendo que o primeiro ocorreu no dia 24 de setembro e foi justamente o último que mencionamos. O motorista de 53 anos identificado apenas como Norbert pelo site News38.de estava avaliando um ID.3 de uma concessionária.

De acordo com o Presseportal, o ID.3 preto teve que parar porque o carro à frente queria virar à esquerda. Foi quando o jovem de 19 anos, distraído pelos filhos no banco de trás, colidiu com o carro elétrico.

A foto do Departamento de Polícia de Herford mostra que o carro elétrico da Volkswagen sofreu apenas pequenos danos, enquanto o Ford Focus ficou bastante danificado. Uma mulher de 21 anos que estava no Focus teve que ser levada ao hospital para atendimento. A polícia estima o prejuízo em 10.000 euros (R$ 65.900).

News38.de disse que Norbert ficou impressionado com a robustez do VW. Apesar do desfecho desagradável durante seu test drive, ele disse que o carro estava em ótimas condições.

O outro acidente ocorreu no dia 1º de outubro em uma concessionária Volkswagen de Erfurt. O motorista de 89 anos queria dar uma volta com o ID.3 e trocou o freio pelo acelerador. O seletor de marcha estava em R, o que significa que ele recuou em alta velocidade por 20 metros até que o carro batesse nas paredes do showroom.

Volkswagen ID.3 - acidentes

Felizmente, ninguém se machucou gravemente, exceto o motorista, que foi para o hospital com ferimentos leves. O mesmo não pode ser dito sobre a loja, o ID.3 que ele dirigia e um carro estacionado no showroom. Os danos materiais ficaram em 60.000 euros (R$ 395.300), ou o dobro do preço de um ID.3.

Em ambos os casos, os acidentes foram causados totalmente por falha humana. Se ouvirmos falar de mais acidentes envolvendo o Volkswagen elétrico, provavelmente será devido ao fato de ele estar se tornando mais popular e presente nas ruas. Vamos acompanhar. 

Galeria: Volkswagen ID.3 (2020) - impressões ao dirigir