A montadora deve ainda fazer um depósito caução de € 100 milhões (US$ 123 milhões)

De acordo com a mídia alemã (Tagesspiegel), a Agência Ambiental do Estado de Brandemburgo exigiu que a Tesla interrompesse a instalação de equipamentos na oficina de pintura e o desmatamento na área de construção da Tesla Giga Berlin até que a empresa faça um depósito caução de 100 milhões de euros (US$ 123 milhões).

Parece que o projeto da fábrica alemã avança e retrocede constatemente. Recentemente, a empresa recebeu permissão para desmatar uma parte adicional do bosque, então foi novamente bloqueada, e agora não está autorizado o prosseguimento de instalação completa da oficina de pintura.

Galeria: Tesla Gigafactory 4 - Berlim

O artigo explica que como a Tesla tem apenas aprovação provisória para a construção, ela deve fazer um depósito caução para quaisquer custos de desmontagem - caso o projeto seja reprovado no final. Lembre-se: a Tesla está construindo a fábrica por sua própria conta e risco financeiro, sem a autorização definitiva, e será obrigada a transformar todo o local em um bosque novamente, caso não receba a licença final.

Como o prazo para o depósito era 17 de dezembro, a Tesla entrou com um pedido em 16 de dezembro para estendê-lo até 15 de janeiro, mas ele só foi prorrogado até 4 de janeiro de 2021.

"Enquanto não houver dinheiro, as duas licenças parciais ficam suspensas. Essa mudança acontece em meio ao processo em curso no Tribunal Superior Administrativo de Berlim-Brandemburgo (OVG) para o desalfandegamento de 82,2 hectares planejado pela Tesla, contra o que a Associação de Proteção à Natureza e a Liga Verde estão movendo uma ação."

Não está claro por que a Tesla, uma das empresas de maior valor global no momento, não foi capaz de pagar o depósito de € 100 milhões. O motivo oficial é que a empresa precisa de mais tempo, pois requer coordenação interna e processos que não puderam ser concluídos nos dias seguintes à notificação das aprovações antecipadas.

Bem, arranjar o dinheiro, esperar o tribunal ou a "nova temporada" para limpar o bosque, e quem sabe o que mais, é um sinal de que não é fácil construir uma fábrica na Alemanha. O CEO da Tesla, Elon Musk, provavelmente já rompeu com a Califórnia, e será interessante ouvir o que ele pensa agora sobre a Alemanha.

Veja mais sobre a construção da fábrica no vídeo:

Tesla Gigafactory 4 (também conhecida como Tesla Giga Berlin) em breve:

  • localizado na região de Berlim (em Grünheide, Brandenburg, Alemanha), perto do novo aeroporto
  • para produzir o Model 3 / Y começando a partir de 2021 com o Model Y
  • irá produzir também baterias (com certeza módulos / pacotes) e trens de força
  • volume esperado de 500.000 unidades por ano (meta não oficial), inicialmente 150.000
  • investimento esperado de € 4 bilhões (não oficial)
  • 10.000 postos de trabalho (não oficiais)
  • Tesla Model Y irá utilizar: células de bateria 4680, conjuntos de bateria estruturais, mega fundições (parte dianteira e traseira do carro) e processo de pintura inovador (Geico Taikisha)