Marca francesa vai apostar na onda retrô na tentativa de manter a liderança de vendas de elétricos na Europa

Assim que a Renault concluir o relançamento de seu icônico hatchback Renault 5 como um carro elétrico urbano de última geração, em 2023, ela fará praticamente a mesma coisa com seu modelo R4. No entanto, o fabricante francês não fará do renascido Renault 4 um hatchback normal, mas sim um veículo mais alto para se diferenciar do R5.

Basicamente, o novo R4, que deve chegar somente em 2025, terá uma proposta mais prática do que o mais estiloso R5. E, como foi o caso com os pequenos hatchbacks anteriores da Renault (o Clio e o Megane), o 4 também poderia ser vendido como um pequeno veículo de carga, sem o banco traseiro para ajudar nas entregas urbanas.

Os futuros R4 serão construídos sobre a mesma plataforma do 5, a plataforma CMF-B EV da Renault, então eles provavelmente compartilharão motores e baterias, entre outros componentes. Há uma grande probabilidade de que, uma vez que ambos estejam no mercado, a Renault aposente o campeão de vendas Zoe. Na verdade, o Zoe (que foi fortemente atualizado em 2019) pode ser eliminado do cronograma assim que o R5 for lançado em 2023.

Enquanto os futuros R5 e R4 não chegam ao mercado, o próximo modelo Renault totalmente elétrico é a versão de produção do Megane eVision, que deve estrear em 2022. Após seu lançamento, o fabricante lançará outro elétrico ligeiramente maior baseado nos mesmos suportes CMF-EV (que pode ou não ser um crossover; ainda não temos detalhes sobre isso).

Galeria: Renault R5 Prototype